Desde que a Organização Mundial da Saúde decretou estado de pandemia do novo coronavírus, o presidente da república Jair Bolsonaro (sem partido) tem dado declarações minizando a crise, chamando-a de "gripezinha" e aconselhando a reabertura das escolas, como aconteceu na noite da última terça-feira (24).

Leia também: Eduardo Costa ataca Luciano Huck e Rodrigo Faro: “Hipócritas”

Bolsonaro arrow-options
Divulgação
Bolsonaro

Os pronunciamentos de Bolsonaro têm sido recebidos com panelaços e críticas de autoridades e especialistas. A repercussão é tão grande que recentemente um jornalista da Agentina, âncora do canal C5N , chamou o mandatário de "imbecil".

Leia também: Mileide Mihaile abre perfil para divulgar pequenos empreendedores

"Brasil já tem 1.891 casos e 34 mortos, enquanto o imbecil do Bolsonaro segue dizendo que isso é uma gripezinha e siga desobedecendo as principais recomendações que a Organização Mundial de Saúde", disse o âncora. 

Leia também: Herdeiro do trono britânico, Príncipe Charles está com coronavírus

"Em algum momento, esses povos terão que fazer uma autocrítica sobre seus governantes", completou o jornalista argentino sobre Bolsonaro e a postura dele frente à pandemia do novo coronavírus .



    Veja Também

      Mostrar mais