Na noite da última segunda-feira (23), foi ao ar mais uma edição do "Jornal Nacional". Durante o principal noticiário da Globo, William Bonner e Renata Vasconcellos quebraram o protocolo para falar sobre o novo coronavírus de maneira diferente. O editor-chefe do folhetim, inclusive, admitiu ter medo de contrair a enfermidade.

Leia também: Renata Vasconcellos, no Jornal Nacional, sobre vídeo de panelaço: "Bonito!"

William Bonner arrow-options
Reprodução
William Bonner

O recado foi dado após a escalada. "Antes de falar sobre as notícias de hoje, a gente vai fazer uma pausa, porque é muita informação o tempo todo sobre o coronavírus. Você já viu os destaques de hoje, e a gente vai fazer essa pausa primeiro para dizer simplesmente o que a gente fica repetindo um para o outro aqui: calma. Não dá para começar o JN de hoje sem pedir calma", afirmou William Bonner .

Leia também: Apresentador do rodízio do "JN" está com coronavírus e respira por aparelhos

"Mas olha o porquê dessa pausa. A gente precisa respirar, precisa entender que essa crise vai ter altos e baixos. Vai exigir sacríficos, mas no fim o Brasil e o mundo vão superar, apesar da aflição e dor que muitas famílias estão enfrentando", continuou o apresentador do " Jornal Nacional ". 

Renata Vasconcellos também fez apontamentos. "Mas claro que alguns profissionais não podem parar. Isso vale para os profissionais de saúde, mas também para quem recolhe o lixo nas ruas, os policias, para quem faz manutenção das redes elétricas e muitos outros", disse ela. 

Leia também: William Bonner se desculpa após música do PT vazar no "Jornal Nacional"

Dando seguimento, William Bonner falou do trabalho dos profissionais da imprensa e admitiu ter medo de ficar doente, mas que isso faz parte da profissão. Por fim, os jornalistas da Globo agradeceram o público e reforçaram. "Juntos vamos derrotar o vírus".



    Veja Também

      Mostrar mais