Tamanho do texto

O jornalista Andrei Kampff usou o seu perfil no Instagram para informar que está se despedindo da Rede Globo após 25 anos de casa

Repórter da Rede Globo por 25 anos, o jornalista Andrei Kampff publicou no seu Instagram uma carta de adeus a emissora, que não renovou o seu contrato. Relembrando momentos importantes em sua carreira como repórter esportivo, colegas de profissão também relembraram bons momentos ao lado do profissional. 

Leia também: Globo publiciza regra de conduta para evitar engajamento político de jornalistas

Andrei Kampff se despede após 25 anos como repórter da Rede Globo
Reprodução/Instagram
Andrei Kampff se despede após 25 anos como repórter da Rede Globo


Andrei Kampff começou o texto falando sobre a dificuldade de dizer adeus, principalmente quando ele está entrelado a grande parte da sua vida: "O adeus é sempre difícil, até quando necessário, mas ele se torna particularmente complicado quando estamos diante de algo que se confunde com grande parte da nossa vida. Hoje saí da Rede Globo . Foram 25 anos (foto 1, Berlim) segurando a mesma canopla (mais da metade da minha vida). Em todos os dias desses anos, sempre fui guiado por uma dupla poderosa: ética e paixão!", disse. 

Postando uma sequência de fotos com diversos momentos da sua carreira na emissora, como seu início no jornalismo pela nos anos 90 na RBS TV , repórter e apresentador do Globo Esporte até coberturas de Olimpíadas e entrevistas exclusivas com nomes como Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Iniesta, Kampff também agradeceu os profissionais que estavam com ele atrás das câmeras: "Tudo isso foi sempre desafiador, mas ainda mais legal foi ter conhecido em todos esses anos pessoas fantásticas, que trabalhavam diariamente comigo sem a vaidade de ter um nome estampado na TV". 

Leia também: Em entrevista a Globo motorista diz que se informou pela Band News

GLOBO O ADEUS É SEMPRE DIFÍCIL, ATÉ QUANDO NECESSÁRIO. MAS ELE SE TORNA PARTICULARMENTE COMPLICADO QUANDO ESTAMOS DIANTE DE ALGO QUE SE CONFUNDE COM GRANDE PARTE DA NOSSA VIDA. HOJE SAÍ DA REDE GLOBO. FORAM 25 ANOS (FOTO1, BERLIM) SEGURANDO A MESMA CANOPLA (MAIS DA METADE DA MINHA VIDA). EM TODOS OS DIAS DESSES ANOS, SEMPRE FUI GUIADO POR UMA DUPLA PODEROSA: ÉTICA E PAIXÃO! COMEÇOU LÁ NOS ANOS NOVENTA NA RBS TV,  DE ESTAGIÁRIO A REPÓRTER E APRESENTADOR DO GLOBO ESPORTE (FOTO 2). DEPOIS, TRÊS ANOS NA GLOBO NORDESTE. E, POR FIM, DOZE (!) NA GLOBO EM SÃO PAULO. QUANTAS HISTÓRIAS, QUANTAS AVENTURAS. FIZ COBERTURA DE OLIMPÍADAS ( FOTO 3), COPA DO MUNDO, MUNDIAL DE CLUBES (FOTO 4,,ABU DHABI), FINAIS DE LIBERTADORES, F1..... NESTE TEMPO FUI A TRINTA E DOIS PAÍSES ATRÁS DE HISTÓRIAS ESPETACULARES. CONTEI UM DOS  RECORDES MUNDIAIS DE CESAR CIELO, MOSTREI GUGA NA CALÇADA DA FAMA DO TÊNIS MUNDIAL. FIZ ENTREVISTAS EXCLUSIVAS COM MESSI,(FOTO 5, BARCELONA) CRISTIANO RONALDO, INIESTA, ZOFF, KAHN, PLATINI, RONALDOS, ETC… AJUDEI A APRESENTAR NEYMAR PRO MUNDO. ESSA AVENTURA TAMBÉM ME FEZ  CONHECER PERSONAGENS QUE ENGRANDECEM O ESPORTE, MESMO SEM TEREM UM NOME CONHECIDO, COMO NA SÉRIE SOBRE A QUARTA DIVISÃO DO FUTEBOL BRASILEIRO E NA SÉRIE SOBRE AS ELIMINATÓRIAS DAS ILHAS DO PACÍFICO PRA COPA NO BRASIL. TODOS ELES COM HISTÓRIAS INCRÍVEIS QUE PRECISAVAM SER CONTADAS. NESSE TEMPO COMO REPÓRTER ESPECIAL, TRABALHEI PRA TODOS OS PROGRAMAS JORNALÍSTICOS DA GLOBO, TAMBÉM COMO COMENTARISTA NO SELEÇÃO SPORTV E BEM, AMiGOS E TAMBÉM APRESENTEI ALGUMAS VEZES, COMO O BLOCO DE ESPORTES NUM BAITA JORNAL, O JORNAL DA GLOBO (FOTO 6). TUDO ISSO FOI SEMPRE DESAFIADOR. MAS AINDA MAIS LEGAL FOI TER CONHECIDO EM TODOS ESSE ANOS PESSOAS FANTÁSTICAS, QUE TRABALHAVAM DIARIAMENTE COMIGO SEM A VAIDADE DE TER UM NOME ESTAMPADO NA TV. PESSOAS QUE SEMPRE FORAM FELIZES NO ANONIMATO PORQUE ENTENDERAM O QUANTO É ESPECIAL O SIMPLES E GIGANTESCO GESTO DE QUERER FAZER BEM FEITO. ELAS SEMPRE ENTENDERAM MUITO BEM QUAL É, TAMBÉM PRA MIM, A PRINCIPAL MISSÃO NUMA EMPRESA DE COMUNICAÇÃO: CONTAR GRANDES HISTÓRIAS, AS HISTÓRIAS DOS OUTROS. UM BEIJO NO CORAÇÃO DOS MEUS AGORA EX COLEGAS E SEMPRE AMIGOS DA TV GLOBO

Uma publicação compartilhada por Andrei Kampff (@andreikampff) em


Leia também: Cinco vezes que jornalistas da Globo demonstraram preferências partidárias

Comentário de colegas de profissão

Na postagem, diversos outros jornalistas relembraram momentos ao lado de  Andrei Kampff : "Em 2005, me lembro como se fosse hoje....Te liguei pra pegar dicas de como fazer uma cobertura de Surfe. Tempos depois vc virou meu amigo. Vc sempre será uma referência na reportagem, deixa um legado incrível na emissora! Obrigado por tudo que vc fez! Vida nova, vida longa! Sempre estarei por perto, amigo! Beijo!", disse Andre Hernan, repórter do Sport TV e Chico Garcia, repórter e comentarista da Band : "Obrigado pelas lições diárias nos CTs, pela parceria, pela tua simplicidade em se tornar referência para todos nós profissionais da comunicação. Sucesso por onde fores, um forte abraço meu querido!". 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.