Tamanho do texto

As fortes emoções estão tomando conta da trama global de "Segundo Sol"

A trama de “ Segundo Sol ” está prometendo boas emoções envolvendo a história de Ícaro (Chay Suede), que há quase 20 anos tenta preencher a lacuna deixada pela ausência da mãe em sua vida. No entanto, a partir das cenas que irão ao ar no próximo sábado (23), o garoto de programa terá seus sentimentos bagunçados.

Leia também: Cinco pontos positivos e negativos de “Segundo Sol” até agora

Cenas marcantes de
Divulgação / Rede Globo
Cenas marcantes de "Segundo Sol"

A ausência da mãe, Luzia ( Giovanna Antonelli ), tornou o rapaz um dos personagens mais rebeldes de “ Segundo Sol ”, que blindar a carência e a dificuldade no relacionamento com a tia Cacau (Fabíula Nascimento), além do profundo rancor pela mulher que lhe deu a vida.

Leia também: Como seriam Raj, Sábia, Comendador e outros personagens de novelas na cama

O que o jovem não sabe é, que sua mãe também está querendo reconstruir a relação com os herdeiros e tenta se aproximar aos poucos dele e de Manuela (Luisa Arraes), sem que os dois imaginem quem ela é de fato. Mas é somente quando as tentativas estão ficando nítidas demais que mãe e filho acabam ficando cara a cara.

Um dos momentos mais esperados em “Segundo Sol”

Icaro (Chay Suede) em
Divulgação/TV Globo
Icaro (Chay Suede) em "Segundo Sol"

Luzia passa o dia com Cacau e depois de fazer uma faxina na casa da irmã, ela se recolhe para tomar banho. É então que o garoto de programa surge para a surpresa de sua tia.

Desconfiado de que Luzia possa ser Silvia, a cliente que tanto tentou lhe agradar, Ícaro pede para ver uma fotografia da mãe. Cacau, por sua vez, questiona o motivo, e o sobrinho fala da desconfiança de que Luzia se passou por outra pessoa para chegar até ele.

Cheia de coragem, Luzia finalmente se revela ao filho, que fica irado com o acontecimento, e expõe a mágoa que sempre esteve guardada. Ele também aproveita para culpar a genitora pela morte do pai e busca uma explicação para o doloroso abandono. Luzia até tenta se defender, mas em vão. Ao tentar ajudar a irmã, Cacau é julgada como cúmplice.

A DJ então tenta se justificar e afirma ter sido vítima da armação de Laureta (Adriana Esteves) e Karola (Deborah Secco) e relata que, na cadeia foi jurada de morte e, por isso, não poderia permanecer ali. Luzia conta ainda que, mesmo distante, procurava saber dos filhos.

No entanto, apesar do discurso da mãe, o jovem não acredita e diz confiar mais na cafetina do em Luzia, se mostrando raivoso e com verdadeiro repúdio da DJ, que se declara para o filho, tentando se aproximar dele.

A demonstração de carinho causa reação em Ícaro, que a repele e pega o celular, ameaçando chamar a polícia, mas é impedido por Cacau, que toma o telefone das mãos do sobrinho e manda que a irmã vá embora depressa. Luzia sai, aos prantos, enquanto o filho, num misto de sentimentos, grita e coloca para fora todo o ódio que sente.

Reação de Giovanna Antonelli e Chay Suede

Como intérpretes de personagens tão fortes e de uma cena tão marcante na vida de Luzia e Ícaro, os atores fizeram questão de opinar sobre esse momento da trama.

“A novela tem muita emoção e cenas intensas cheias de significados. Esse momento é um dos maiores sonhos da Luzia”, afirmou Giovanna Antonelli.

Leia também: Quebra-pau! Após golpe, Pedro e Ramiro se agridem em "Onde Nascem os Fortes"

Chay Suede aprofundou um pouco mais sua avaliação do capítulo de “ Segundo Sol ”: “O encontro com a mãe é um grande divisor de águas na vida do Ícaro, na maneira de se relacionar com os outros. Acho que por mais turbulento que tenha sido, cura uma série de feridas abertas na vida dele. É uma grande sessão de terapia acumulada, resolvida num único encontro”, disse o ator.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas