Tamanho do texto

Vinda do teatro, Amanda Mirásci vibra com seu primeiro trabalho na TV, a secretária de Tião em "A Lei do Amor". Saiba como a atriz entrou na trama

Amanda Mirásci está curtindo seu primeiro trabalho na TV, na pele de Vanessa, secretária de Tião na novela "A Lei do Amor". Por conta de sua função, a personagem acaba ajudando e encobrindo o vilão nas maldades que comete na novela de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari. Nessa entrevista exclusiva ao iG , a atriz, veterana no teatro, diz como tem sido a experiência.

Leia mais: As semelhanças entre "A Lei do Amor" e "Babilônia"

Amanda Mirásci é a Vanessa de 'A Lei do amor'
Ricardo Penna/Divulgação
Amanda Mirásci é a Vanessa de 'A Lei do amor'



 A entrada na novela veio justamente por seu destaque nos palcos. "Faço teatro desde os 10 anos. A (produtora de elenco) Bruna Bueno assistiu à minha peça e me chamou pro teste. Era algo que eu já vinha batalhando, então foi muito gratificante, a concretização do trabalho de uma vida", vibra a intérprete de Vanessa em " A Lei do Amor ".

Leia mais: Cinco mudanças que podem impulsionar a audiência de "A Lei do Amor

O adiamento da novela, que estrearia em março do ano passado mas foi substituída por "Velho Chico", indo ao ar só em outubro, não a atrapalhou. "Foi muito bom para mim! Quando rolou o teste estava em cartaz com a Cia Armazém, se a novela começasse naquela época eu teria de sair do espetáculo. Consegui viajar com eles para várias cidades".

 Leia mais: Élio de "A Lei do Amor" largou jornalismo para ser ator

A Vanessa de A Lei do Amor já viveu transexual no teatro com a peça
Ricardo Penna/Divulgação
A Vanessa de A Lei do Amor já viveu transexual no teatro com a peça "Uma Vida Boa"

Apesar de a trama ser ambientada em São Paulo, o sotaque carioca não a atrapalha, mas já foi motivo de chacota, conta. "Tento me livrar do sotaque carioca desde sempre. Quando trabalhei em 'Coriolano' com a Esther Góes, eu era a única carioca do elenco, sofri muito bullying e fui tentando amenizar. Ainda tenho carioquês, mas dei uma neutralizada boa".

Peça chave?

Vanessa sabe os segredos de Tião e pode ganhar importância até a reta final da história, que termina em abril. "Ela pode ser uma cartada final para prejudicar o Tião. Tem muitas coisas que ela sabe, então ou será cúmplice de seus crimes ou vai atrapalha-lo", aposta, sem saber ao certo o que vem pela frente, já que a novela passou por inúmeras mudanças para elevar a audiência. 

"Toda semana tem mudanças na novela, que ficou focada nos protagonistas e os personagens secundários perderam o foco. Houve até um apontamento lá no início de que a Vanessa poderia se envolver com o Pedro (Reynaldo Gianecchini). Ela ficou encantada por ele, mas não passou disso. É mais fácil ela se envolver com o Tião (risos)".

E Vanessa pode se dar mal junto com o grande vilão da trama?  "Acredito que ela não se ferre junto, pois está demonstrando seu caráter. A Vanessa não é má, não compactua com aquilo, só precisa do emprego e está amedontrada", defende sua intérprete.

Teatro

No teatro, Amanda Mirásci se destacou no ano passado interpretando B., transexual que assume sua identidade masculina na peça "Uma Vida Boa", que ficou em cartaz no Rio de Janeiro. "Para mim (a transexualidade) não é tabu nenhum, mas para a sociedade ainda. Na novela da Glória Perez ("A Força do Querer", substituta de "A Lei do Amor") esse tema será abordado e é um grande avanço. As pessoas não sabem como lidar, que artigo usar ao falar. É preciso cada vez mais colocar esse assunto em jogo, pois o preconceito está muito ligado à ignorância", avalia.