Karina Bacchi e Amaury Nunes em foto do início do ano
Reprodução/Instagram
Karina Bacchi e Amaury Nunes em foto do início do ano

Amaury Nunes quebrou o silêncio sobre o fim do seu casamento de quatro anos com Karina Bacchi. O ex-jogador de futebol usou as redes sociais nesta terça-feira para pedir que parem com julgamentos e defendeu a ex-mulher sobre as notícias que vêm saindo na mídia a respeito do término da relação.

"Boa tarde, resolvi vir aqui me posicionar em relação às muitas notícias que saíram estes dias em relação à mim e a Karina. Muito do que vi e li principalmente em relação ao que foi dito sobre a Karina, eu afirmo que não é verdade", iniciou ele.

Mesmo não seguindo mais a ex-mulher do Instagram, Amaury afirma que o "carinho" e a "admiração" por ela continua.

"Nós nos separamos, sim, mas o respeito, carinho e admiração continuam. Não façam julgamentos, ou busquem motivos e culpados. Só nós dois sabemos realmente tudo que passamos. Neste momento eu peço respeito e a compreensão de todos. Que Deus siga nos dando sabedoria e iluminando nossos caminhos".

Karina Bacchi confirmou na última quinta-feira, através da sua assessoria de imprensa, que chegou ao fim o seu casamento de quatro anos com o ex-jogador e atual empresário Amaury Nunes.

"Sim (eles) estão separados, mas não temos nada a declarar no momento", disse a representante da atriz e apresentadora ao EXTRA.

A notícia foi divulgada inicialmente pelo jornalista Leo Dias, que informou que o "fanatismo religioso" da atriz seria o motivo do fim do casamento. Amaury já deixou de seguir a agora ex-mulher no Instagram. Ele ajudou a criar Enrico, de 4 anos, filho que Karina teve através de uma fertilização in vitro.

Karina expôs motivos do divórcio em live com pastor

Em uma live feita em março com um pastor Josué Gonçalves, Karina expôs os motivos do divórcio quando o religioso falou sobre casamento.

"Mas quando acontece da esposa, sei lá, estar vivendo dessa forma, tentando através da oração e ela não vê mudança não vê transformação no casamento dela, até que ponto ela deve batalhar por esse casamento? Ou isso é um sinal de que talvez esteja faltando alguma mudança de atitude da mulher e não só da oração?”, disse.

Crise no casamento

Em julho do ano passado, Karina Bacchi foi às lágrimas ao detalhar uma crise no casamento com o ex-jogador. Na ocasião, a apresentadora contou que o marido chegou a arrumar as malas e sair de casa, mas que ele retornou depois de ser, segundo ela, tocado por Deus.

Karina revelou também que sua dedicação à fé, até então não vista com bons olhos pelo companheiro, motivou a quase separação, que se tornou pública em abril deste ano.

"Sempre digo. Persistam porque mistérios são revelados de acordo com que a gente procura. Persistam pelo seu casamento porque o meu foi totalmente transformado por Deus. Meu marido nunca tinha lido a bíblia, nunca tinha orado. Houve uma estranheza da parte dele. 'Agora você só quer orar', dizia ele. Eu tinha vontade de rebater, mas fiquei quieta, esperando que Deus agisse. Ele disse que era para eu ficar com a minha fé e que ele ia embora", disse.

"E Deus me dizia: 'não manda ele embora, deixa ele ir'. Chegou o momento então em que Amaury disse que ia embora, fez as malas e pegou a estrada. No caminho, ele mexendo no rádio ouviu o (pastor) Deive Leonardo falar. Ele estava indo para o Rio e pegou o caminho de volta, sem parar de ouvir as palavras do pastor. Ele chegou em casa dizendo que havia sido tocado por Deus, que ouvia a minha voz no lugar da do pastor e que tinha entendido tudo. Deus agiu antes da nossa separação", contou Karina no podcast Positivamente.

Karina e Amaury voltaram às boas e, segundo ela, são hoje companheiros na fé: "Vejo ele com a bíblia debaixo do braço e nunca achei ele tão lindo na minha vida. Eu digo: 'amor, não precisa treinar mais. Com a bíblia na mão, você nunca esteve tão lindo'".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários