Tamanho do texto

A assessoria do ator Henry Cavill ("Batman vs Superman") divulgou uma nota de desculpas depois de seus comentários “insensíveis” sobre assédio sexual

Henry Cavill
Reprodução/Esquire
Henry Cavill

Durante uma entrevista para a revista GQ , o ator Henry Cavill - conhecido por interpretar o Superman nas versões cinematográficas como “Batman vs Superman” e “Liga da Justiça” - expôs um ponto de vista que não foi bem aceito pelo público. Em meio a discursos sobre relacionamentos, flertes e conquistas, Henry confessou sentir medo de ser chamado de estuprador.

Leia também: Henry Cavill afirma ter medo de ir para a cadeia por flertar com mulheres

Sobre conquistar uma mulher, o ator Henry Cavill declarou na entrevista em questão: “É muito difícil fazer isso se há certas regras em vigor. Porque é assim: eu não quero ir lá falar com ela, porque eu vou ser chamado de estuprador ou algo assim”. No decorrer da entrevista para a GQ, o ator também confessou temer as consequências de tomar uma atitude e flertar com uma mulher: “Agora você não pode ir atrás de alguém além do ‘não’. É tipo ‘beleza, ok’. Mas então tem o ‘por que você desistiu?’ E você pensa ‘bem, porque eu não queria ir para a cadeia’”. Seu discurso não pegou bem, e gerou repercussão negativa.

Assessoria de Henry Cavill publica nota de retratação

Henry Cavill interpreta Superman nas versões cinematográficas
Divulgação
Henry Cavill interpreta Superman nas versões cinematográficas

Tendo em vista a reação do público diante do que o ator dissertou a respeito do assédio sexual, uma integrante de sua assessoria - Dany Garcia - publicou uma nota de esclarecimentos no Twitter, rede social em que a repercussão foi maior.

Leia também: "Amoral" e "revoltante"! Famosas se manifestam contra o assédio sexual

De acordo com a publicação, o intérprete de Superman se arrependeu, mas só após perceber a reação das pessoas aos artigos publicados sobre a entrevista. Os comentários a respeito do movimento #MeToo - que  consiste na denúncia de assédio sexual no trabalho - foram considerados insensíveis pelo próprio ator, que pediu desculpas na nota de retratação: “Após ver a reação a um artigo, especificamente às minhas declarações sobre namoros e o movimento #MeToo, eu só queria me desculpar por qualquer confusão e incompreensão que posso ter criado. Isso não foi minha intenção”.

Leia também: Estudo mostra que 94% das mulheres já sofrem assédio em Hollywood

Henry Cavill também deixou claro o modo como dá valor às mulheres: "Eu valorizo  e continuarei a valorizar as mulheres, não importa qual tipo de relacionamento tenha com elas: de amizade, profissional ou romântico”, dissertou o ator. “Nunca teria a intenção de desrespeitá-las, de qualquer maneira. Essa experiência me ensinou uma lição sobre o contexto e a nuance das liberdades editoriais", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.