Tamanho do texto

R. Kelly também já foi acusado de ter uma garota como "animal de estimação sexual" e estar envolvido em casos de pornografia infantil

O cantor de soul R. Kelly, 51 anos, está novamente envolvido em casos de assédio sexual! Segundo infomações do site da revista Variety , uma mulher entrou com um processo na última segunda-feira (21) contra R. Kelly por abuso sexual, transmissão de infeção (herpes) e cárcere privado. A mulher ainda conta que quando não conseguia agradar sexualmente Kelly, era presa em quartos ou veículos como forma de punição. O cantor e sua equipe ainda não se manifestaram sobre a nova acusação. 

Leia também: Rapper R. Kelly é acusado de ter uma garota como "animal de estimação sexual"

R. Kelly é processado por abuso sexual e cárcere privado
Reprodução/Twitter
R. Kelly é processado por abuso sexual e cárcere privado


Na nova acusação contra R. Kelly , a moça identificada como Faith A. Rodgers, disse que conheceu o cantor em um show no Texas quando tinha 19 anos, e afirma que foi frequentemente abusada "mentalmente, sexualmente e verbalmente" durante seu relacionamento de menos de um ano com Kelly.

Hoje com 20 anos, Kelly havia convidado Rogers para ir a Nova York e no hotel deu início a “um contato sexual não desejado”. Ainda segundo o depoimento, Kelly não contou que estava infectado com herpes, o que levou a mulher a contrair a doença e também gravava e obrigava, contra a sua vontade, os atos sexuais. O novo processo contra o cantor está registrado na Suprema Corte de Nova York. 

Leia também: John Bailey, presidente da Academia do Oscar, é investigado por assédio sexual

Outras polêmicas!

Não é a primeira vez que o autor do sucesso de I Believe I Can Fly   (1996) se envolve em casos de assédio sexual. Em 2002, Kelly foi acusado de pornografia infantil após filmar uma relação sexual com uma adolescente de 13 anos. Na época, a jovem de 23 anos negou-se a afirmar que era ela nas imagens, mas a família e os amigos reconheceram. O cantor foi absolvido desse caso em 2008. 

Leia também: Denúncias de assédio sexual em Hollywood que já foram esquecidas

Já no começo de março desse ano, R. Kelly foi acusado por sua ex-namorada Kitti Jones, em documentário da BBC , de manter uma garota como escrava sexual desde que ela tinha 14 anos de idade. Kitti também revelou que foi forçada a ter relações sexuais com ele e outras pessoas em um “calabouço sexual”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.