Tamanho do texto

Assistentes de palco de Xuxa e Luciano Huck foram algumas das capas mais famosas da "Playboy" no Brasil; relembre algumas histórias

Durante os anos 1990,  Romário de Oliveira  foi um dos nomes mais importantes da Playboy no Brasil. Agora, ele assina uma coluna no iG para contar tudo dos bastidores de uma das revistas mais populares do País.

Leia também: Bastidores de Playboy: Como está hoje Cida Costa, Garota Playboy 89?

Assistentes de palco de Xuxa e Luciano Huck já estamparam várias capas da
Arquivo pessoal
Assistentes de palco de Xuxa e Luciano Huck já estamparam várias capas da "Playboy"; relembre as histórias

Nesta sexta-feira (1), Romário de Oliveira relembra das assistentes de palco de Xuxa e Luciano Huck que saíram nuas nas páginas da  Playboy . Leia abaixo:

Xuxa x Luciano Huck. Um "xou" de Paquitas e um "caldeirão" de Coleguinhas nuas na Playboy

Direta ou indiretamente, os apresentadores Luciano Huck e Xuxa influenciaram ou revelaram grandes estrelas para brilhar na capa da Playboy . Para começar, a própria Xuxa, além de estrelar a edição em dezembro de 1982, foi vencedora de um concurso da publicação onde aparecia nua montada em um cavalo branco. Já Huck nunca escondeu que sempre foi leitor assíduo da revista. “Foto de mulher nua eu sempre tive em casa”, revelou. Também, pudera, o seu padastro Mário de Andrade (foi ele um dos responsáveis pela realização do meu grande sonho: fazer parte da equipe de Playboy ) foi diretor da revista durante anos.

Leia também: Bastidores de Playboy: 15 curiosidades sobre ensaios históricos da revista

Para a alegria dos altinhos, Xuxa apresentou a irmã, uma cunhada, a prima e algumas de suas assistentes de palco em um "xou" inesquecível. Sempre bem-humorada, a apresentadora não poupou elogios quando viu as fotos da modelo Marcella Praddo nua na revista, na edição de julho de 1987. “Ela é gostosa!”, brincou, aprovando a nudez da Garota do Fantástico. Não é à toa que Marcella voltou em mais duas capas de edições especiais – em uma delas como a Garota Inesquecível dos Leitores – e conquistou o coração de Ayrton Senna, que também foi namorado de Xuxa.

Dany Bananinha na capa da
Arquivo pessoal
Dany Bananinha na capa da "Playboy"

A verdade é que Xuxa contribuiu – e muito! – para a alegria de altinhos e baixinhos revelando outras mulheres inesquecíveis em um verdadeiro show de beleza e sensualidade. Entre elas estão Maruska, a irmã (posou nua em dezembro de 1982); Rose Andreazza, a sósia (junho de 1985); Luciana Vendramini, a xuxete (dezembro de 1987); Andréa Veiga, a paquita (setembro de 1988); Regina Meneghel, a cunhada (maio de 1989); Deborah Meneghel, a prima (outubro de 1989); Angêla Matos, a irmã de sua empresária Marlene Mattos (abril de 1991); Shirley Miranda, a xuxete (julho de 1992;) e fechando o "xou" Paloma Bock, a "fã número 1 de Xuxa" (setembro de 1994) e mais uma paquita, Andréa Sorvetão (dezembro de 1995).

Leia também: Bruna Lombardi, 15 anos para tirar a roupa

Já o apresentador Luciano Huck pode se gabar: começou a jornada de trabalho como assistente do mago J.R. Duran e, pasmem, vendo a Luiza Brunet posar nua. Ainda hoje, Luciano se recorda com bom humor: “A Luiza Brunet tirou a roupa e ficou nua, com um lençol. E esse foi o meu primeiro dia de trabalho no estúdio do Duran”. Sortudo, não? Desde quando o conheci em 1990, ainda anônimo, Luciano tem se revelado um grande criador de personagens que vivem povoando o imaginário masculino – duas delas, inclusive, garantiram momentos especiais na história da Playboy : Tiazinha (Suzana Alves, março de 1999 e março 2000) e a Feiticeira (Joana Prado, dezembro de 1999, abril de 2000 e abril de 2002) são as recordistas de vendas (quase 4,5 milhões de revistas vendidas).