Tamanho do texto

O cantor Bow Wow atacou a primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump, após uma polêmica entre o presidente e Snoop Dogg

A polêmica entre o presidente dos Estados Unidos Donald Trump e o rapper Snoop Dogg deu o que falar e envolveu gente que não tinha nada a ver com o caso, como o cantor Bow Wow e a primeira-dama americana Melania Trump .

Leia também: Discurso de posse de Trump é comparado ao de Bane, vilão em filme do Batman

Bow Wow atacou a primeira-dama Melania Trump após polêmica entre Donald Trump e Snoop Dogg
Reprodução/Harper's Bazaar
Bow Wow atacou a primeira-dama Melania Trump após polêmica entre Donald Trump e Snoop Dogg

Em um tuite deletado, Bow Wow atacou gratuitamente Melania Trump após o presidente americano pedir a prisão de Snoop Dogg. "Hey Trump, cale a boca e pare de falar sobre o meu tio Snoop Dogg antes que a gente transforme sua esposa em prostituta e faça ela trabalhar para nós", disse o rapper na última quarta-feira (15).

Leia também: Snoop Doog revela que fumou maconha no banheiro da Casa Branca

A mensagem de Bow Wow na rede social foi deletada, mas gerou uma repercussão negativa. Ainda no Twitter, muitos internautas criticaram a postura do cantor. "Bow Wow criou um cessar-fogo entre a esquerda e a direita porque todo mundo concordou em chamá-lo de idiota. Que herói", comentou o usuário @YourLocalJacob.

Entenda o caso

Bow Wow reagiu a uma polêmica entre o presidente dos Estados Unidos e Snoop Dogg, que foi desencadeada nessa quarta-feira (15). Tudo começou quando Donald Trump viu o clipe de Lavender (Nightfall Remix) , em que o rapper aparece apontando uma arma para a cabeça de um palhaço representando o mandatário americano.

Leia também: Miss Bumbum faz tatuagem de Donald Trump para pedir paz

"Vocês conseguem imaginar como seria se o Snoop Dogg, apesar da carreira falida, tivesse apontado uma arma e atirado no presidente Obama? Cadeia!", escreveu o presidente.

Nessa quinta-feira (16), o cantor gravou um vídeo no Instagram em que afirma não ter nada para dizer sobre o caso. Ele ainda comentou que recebeu vários pedidos de entrevistas para comentar o tuite de Trump, mas não vai falar sobre o assunto.


    Leia tudo sobre: Donald Trump
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.