Karol Conká em foto de divulgação da música
Instagram/Reprodução
Karol Conká em foto de divulgação da música "Dilúvio"

"Dilúvio", a nova música de Karol Conká, que chega ao mercado fonográfido após sua conturbada participação no "Big Brother Brasil 21”, já foi escutada mais de 2 milhões de vezes no Spotify. Mas o ouvinte recém-chegado que queira conhecer mais sobre o trabalho da cantora, não encontra seu elogiado primeiro álbum, "Batuk freak", em nenhum serviço de streaming. Lançado em 2013, pela Deck, o disco foi tirado oficialmente do ar em abril, por Nave Beatz, produtor do trabalho que traz canções como “Gandaia”, “Boa noite”, “Farofei” e “Maracutaia”.

"Os fãs dela me cobram em rede social. Por mim, o disco estaria de volta amanhã no streaming. Desde que os advogados se acertem, cheguem a um acordo, o impasse acabe. E ponto final",  afirma Nave.

O "impasse" ao qual Nave se refere seria o pagamento pela produção fonográfica do álbum e a participação como coautor das músicas.

"Eu não fui pago por “Batuk freak”", afirma ele.

Por meio de nota, Karol diz que cada lado tem a sua versão: "é possível que, quando parcerias profissionais se encerram por discordâncias na condução do trabalho, surjam versões distintas entre as partes sobre os acontecimentos que levaram ao rompimento".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários