J.K. Rowling, autora britânica da série de livros " Harry Potter ", doou R$ 6,8 milhões para ajudar as vítimas de abuso doméstico e sem-tetos atingidos pela pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

j.k.
Divulgação
J. K. Rowling

Leia também: Artista faz "show drive-in" na Dinamarca durante pandemia de Covid-19

A autora fez o anúncio da doação na sua página oficial do Twitter , neste sábado (2), data que marca o 22º aniversário da Batalha de Hogwarts, a batalha final da saga Harry Potter. 


"Como sempre em uma crise desse tipo, os mais pobres e vulneráveis ​​são os mais atingidos, então, em homenagem à Batalha de Hogwarts, farei uma doação de 1 milhão de libras (cerca de R$ 6,8 milhões), metade será direcionada para o site.org.org.uk, que está ajudando os desabrigados durante a pandemia, e a outra para o refuge.org.uk, porque sabemos que infelizmente, a violência doméstica aumentou bastante durante o confinamento", escreveu.

Leia também: Intérpretes de libras ganham seguidores e recebem cantadas após lives

J.K. escreveu sete livros contando a história do jovem bruxo entre os anos de 2001 e 2011, que viraram uma febre e foram parar nos cinemas. Hoje ela está trabalhando na adaptação 'Animais Fantásticos e Onde Habitam', um derivado da história original de Harry Potter.

    Veja Também

      Mostrar mais