Os avanços tecnológicos das últimas décadas geraram games cada vez mais fascinantes, interativos e competitivos, dando nascimento aos chamados eSports. Se antes cada pessoa permanecia sozinha em sua própria casa ou em grupo, mas no mesmo computador, atualmente participam de certames com outros jogadores online de todo o mundo em partidas com tanta ou mais emoção que as partidas presenciais.

eSports arrow-options
Reprodução
League of Legends é um dos principais games de eSports

Os esportes eletrônicos surgiram há poucos anos, mas estão fazendo a cabeça de muitos jovens em todo o planeta. Já há competidores com crescente fama e até mesmo profissionalizados. Um crescente universo de interessados assiste tais competições de maneira presencial ou online. As plataformas de eSports também são diversificadas, indo do stream online à TV.

 A primeira competição eletrônica do gênero ocorreu ainda em 1972, quando foi realizado um certame do jogo Spacewar para estudantes da Universidade de Stanford, nos EUA. O pitoresco nome de Olimpíadas Intergaláticas de Spacewar foi a chamada do evento e o prêmio foi um ano de assinatura da popular revista Rolling Stones.

Hoje em dia há basicamente três categorias de games mais populares de e-Sports, com grande variedade: de Luta, de Tiro em Primeira Pessoa (FPS) e Jogos de Estratégia em Tempo Real (RTS). Estes, porém, são apenas alguns exemplos, pois o leque de possibilidades para os jogadores é cada vez maior.

Leia também: Saiba como ganhar dinheiro extra com apostas online

Entre os jogos de lutas temos, por exemplo, o famoso Street Fighter, Super Smash Bros e Marvel vs Capcom. Exemplos de FPS são o Doom, Quake, Call of Duty e Halo. Finalmente, Fifa Series, NBA 2K e Pro Evolution Soccer são RTS. Também há opções de corridas como F1, iRacing e Project Cars.

Atualmente, os maiores campeonatos se concentram em jogadores e equipes que disputam entre si em gêneros como Moba (sigla em inglês que significa uma arena de batalha online para vários participantes, nesta categoria se enquadram jogos como League of Legends e o Dota 2). As partidas têm um número limitado de jogadores e costumam durar entre 30 minutos e uma hora.

Um exemplo da popularidade deste ramo: em 2019 o The International, torneio que teve quase todos os 27 mil ingressos disponíveis em apenas 53 segundos, oferecia um prêmio equivalente a R$ 59 milhões. O faturamento da indústria de games , segundo a última estimativa, gira em torno de impressionantes US$ 100 bilhões. Dentro deste universo os eSports respondem por mais de US$ 1,5 bilhão!

eSports arrow-options
Reprodução/ Valve
Torneio de eSports paga mais que a Libertadores da América de 2017 e a edição de 2019 que terá recorde de premiação

A modalidade cresceu tanto nos últimos tempos que casas de apostas  famosas também estão oferecendo aos seus usuários, com toda a tranquilidade e segurança, a possibilidade de fazerem lances no segmento. Um número crescente de bookmakers já está atuando firmemente no ramo. Entre as gigantes que estão já têm tal opção está a conceituada Bet 365 , famosa por uma ótima plataforma para apostas por aparelhos móveis. Betclic e  Sportingbet são outras das conhecidas e competentes casas que já abrem espaço para a modalidade.

Para apostar no e-Sport, como em qualquer outra modalidade, é necessário estudar um pouco os campeonatos e os jogadores, embora um iniciante também possa se situar bem neste fascinante mundo.

As odds são chamativas e oferecem boas oportunidades de ganhos e os melhores bookmakers do mercado estão habilitados a propiciar uma experiência agradável e emocionante ao seu ambiente de apostas online. Assim, boa sorte em seus lances no e-Sports !

    Veja Também

      Mostrar mais