Com o enredo "Do canto das Yabás renasce uma nova morada", a Mocidade Alegre, escola de samba do bairro do Limão, exaltou o poder dos orixás femininos das águas, como Iemanjá e Oxum. E foi nota dez! Pelo menos para o jornal Diário de São Paulo .

Leia também: Bateria vai definir desempate de escolas de samba de SP

Mocidade Alegre arrow-options
Reprodução/Instagram
Mocidade Alegre


Leia também: Paulo Barros, Marielle e ciganos: o que esperar dos desfiles de São Paulo

O destaque principal da  Mocidade foi o carro alegórico que fazia referência a Iemanjá . "Com o intuito de criar uma aparência marítima, o carro contou com 5 mil litros de água reutilizada em fontes e bolhas. O balé das águas foi a cereja do bolo do incrível espetáculo que a Mocidade Alegre proporcionou na avenida. A exaltação da beleza e da força das mulheres levou o público ao delírio. A campeã narrou a história de uma menina que tentava salvar o mundo com os ensinamentos do Candomblé e contava com a ajuda de seus orixás femininos", disse o jornal paulista.

Leia também: Carnaval 2020: confira os sambas-enredo das escolas de samba de São Paulo

Além de quesito Melhor Escola, a Mocidade Alegre também levou o prêmio de melhor Alegoria e melhor Samba-enredo. O segundo lugar ficou com a Escola Dragões da Real , dona também da melhor Fantasia. O terceiro lugar ficou para a Escola Rosas de Ouro , que também levou o prêmio de melhor Harmonia.

Confira a lista completa dos ganhadores do Prêmio

APURAÇÃO TROFÉU NOTA 10 – GRUPO ESPECIAL SEXTA-FEIRA E SÁBADO

ALEGORIA
GANHADOR: Mocidade Alegre

BATERIA
GANHADOR: Unidos da Vila Maria

COMISSÃO DE FRENTE
GANHADOR: Gaviões da Fiél

ENREDO
GANHADOR: Barroca Zona Sul

EVOLUÇÃO
GANHADOR: Colorado do Brás

FANTASIA
GANHADOR: Dragões da Real

HARMONIA
GANHADOR: Rosas de Ouro

MESTRE SALA E PORTA-BANDEIRA
GANHADOR: Mancha Verde

SAMBA ENREDO
GANHADOR: Mocidade Alegre

CATEGORIAS AVALIADAS EM CONJUNTO PELOS JURADOS
ALA DAS BAIANAS
GANHADOR: Acadêmicos do Tatuapé

VELHA GUARDA
GANHADOR: Gaviões da Fiél

INTERPRETE
GANHADOR: Acadêmicos do Tatuapé

SAMBISTA NOTA 10 – Mancha verde.
Garoto Nikolas, ao lado da mãe Silvia, interpretando o desfile para o filho.



    Veja Também

      Mostrar mais