O Jornal Folha de S. Paulo entrevistou a modelo plus size Nilma Duarte. Ela quer aumentar a autoestima de mulheres gordas dando a elas visibilidade no Carnaval carioca.

Leia também: Carnaval 2020: Confira famosas que desfilarão como Rainhas de Bateria

Mulheres gordas desfilam no Carnaval carioca arrow-options
Reprodução/Instagram
Mulheres gordas desfilam no Carnaval carioca


"Sempre houve pessoas acima do peso nas escolas, mas de uma forma embutida, no meio da ala, ou na ala das baianas", diz a modelo que ama Carnaval e que desde 2017 está à frente do projeto Plus no Samba.

Leia também: Anitta, Gusttavo Lima e outros famosos participarão de festa de Carnaval

"Me diziam 'parabéns, que lindo, você samba'. Parecia que era uma coisa fora do normal alguém fora do peso sambar", afirmou à reportagem. A ideia do projeto veio justamente das sucessivas abordagens de mulheres gordas que gostariam de ter a sua coragem para sambar em público.

A sambista trabalhará em parceria com cinco escolas, sendo uma do grupo Especial, a Vila Isabel .  Mas o projeto vai além do Carnaval, já que Nilsa sempre organiza sessões de fotos com as mulheres do grupo e tenta ajudá-las a se sentirem melhores consigo mesmas.

Leia também: Expectativa: quem são as grandes musas do Carnavao 2020?

"Meu trabalho não é só botar mulheres grandes para sambar, é um trabalho de autoestima. Elas vêm muito feridas por conta da perseguição no trabalho, na escola, em casa, em relacionamentos." Ela afirma que algumas mulheres chegaram ao grupo deprimidas por causa da gordofobia , mas que o projeto do Carnaval as ajudou a recuperar o ânimo. 

    Veja Também

      Mostrar mais