Tamanho do texto

Em parceria com o Musée de la Musique - Philharmonie de Paris, a mostra chega ao Brasil com toques bem nacionais e promete ter sucesso de público

Imersiva e rica em detalhes e informações, a exposição “Musicais no Cinema” chega ao MIS-SP nesta quarta-feira (13). Originalmente da França, a mostra veio do Musée de la Musique - Philharmonie de Paris para o Brasil, mas está diferente, com muitos toques nacionais. Com uma nova singularidade e em um espaço de mil metros quadrados, a exposição promete repetir o sucesso das mostras anteriores traçando a trajetória do gênero musical no cinema.

Leia também: Vai a exposição "Batman 80"? Saiba como melhorar sua experiência

Exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
A exposição "Musicais no Cinema" fica no MIS de 13 de novembro de 2019 a 16 de fevereiro de 2020


O curador do Musée de la Musique é o pesquisador N.T. Binh, que acompanhou a montagem da exposição no Brasil e ficou muito satisfeito com o resultado: “Os visitantes vão descobrir o que tem entre as cenas dos musicais”. Já a curadoria brasileira ficou a cargo de Duda Leite, que mergulhou na história dos musicais no cinema e, durante cinco meses, fez pesquisas para conseguir incluir novos espaços e conteúdos relevantes da cultura brasileira na mostra.

Leia também: Heróis da DC feitos de LEGO! Faça um tour pela exposição The Art of the Brick

“Descobri muito do cinema brasileiro, temos mais de 80 musicais nacionais”, comentou Duda que durante a pesquisa realizou entrevistas – que alguns trechos podem ser vistos na mostra – com importantes nomes no cenário musical no Brasil, como Claudia Raia, Silvio de Abreu, Cacá Diegues, Daniel Oliveira, Walter Lima jr. e Hugo Prata.

Detalhes da exposição

O iG visitou a exposição e conta alguns detalhes para melhorar sua experiência!

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
No início da exposição, há cartazes com filmes musicais que fizeram sucesso

Após passar por corredor lotado de cartazes com grandes sucessos do cinema, o visitante se depara com um espaço totalmente dedicado a um grande clássico: “Cantando na Chuva”. No local, é possível tirar uma foto imitando a icônica cena em que Don Lockwood (Gene Kelly) sobe no poste. Também é possível ver um compilado de filmes que tiveram Singin' in the Rain na trilha.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
É possível ver em ordem cronológica os musicais que marcaram época

Depois o visitante pode conferir em ordem cronológica a história dos filmes musicais levando em consideração os grandes marcos no cinema. Essa linha do tempo foi divida em três campos: a evolução da tecnologia de Hollywood, o reflexo da sociedade da política americana e o reconhecimento do gênero em prêmios como o Oscar.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
Nessa parte da exposição,é necessário usar um fone de ouvido

Para o espaço seguinte, é necessário o uso de um fone de ouvido que é oferecido pelo próprio MIS. Com o acessório, é possível ouvir as vozes dos atores que realmente cantavam nos filmes que participaram. Ao lado, também é possível conhecer algumas “cantoras fantasmas”, que foram dubladas em filmes musicais.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
Espaço dedicado a Claudia Raia

A exposição fala sobre cinema, mas Claudia Raia recebe uma homenagem por ser um nome expressivo dentro do teatro musical nacional. Figurinos usados pela atriz estão expostos e em um telão ela ensina passos básicos de sapateado – e o visitante pode reproduzir ali mesmo em um local específico para isso (uma ideia super divertida).

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
O filme "La La Land", vencedor do Oscar, tem um cuidado especial na mostra

O vencedor do Oscar “La La Land” também tem um espaço especial na mostra e o visitante pode ver todas referências de outros sucessos do cinema que foram usadas no filme protagonizado por Emma Stone e Ryan Gosling.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
Painel dedicado a fotos inspirado em Carmen Miranda

Carmen Miranda, uma das mais notáveis artistas brasileiras, tem um espaço totalmente dedicado a ela. É possível ouvir depoimentos sobre essa artista que fez fama no exterior e ver de perto acessórios originais usados por ela e também roteiros de alguns filmes que ela participou – uma verdadeira relíquia. Ah, e um paredão simulando uma cena do filme “The Girls He Left Behind” vai render ótimas fotos.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
Há uma parte que é dedicada aos filmes estrelados por Roberto Carlos

O cinema musical nacional também é enaltecido na mostra e o visitante pode mergulhar na história e relembrar os clássicos filmes de Roberto Carlos, Mazzaropi e Elza Soares, Xuxa, as cinebiografias de grandes nomes da música. O visitante vai ser surpreendido com a quantidade de filmes brasileiros que se enquadram no gênero musical.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
Existem vários figurinos expostos, como o de "Rocketman"

Entre os figurinos expostos, um dos grandes destaques são as peças usadas no recente “Rocketman”, filme inspirado na vida de Elton John protagonizado por Taron Egerton.

exposição arrow-options
iG Gente/William Amorim
Durante a exposição, é possível se divertir em uma pista de dança

Depois de ver tantos musicais, pode ser que dê aquela vontade de sair cantando e dançando por aí e, nesse caso, o visitante pode aproveitar a pista de dança temática que foi montada em um dos espaços da mostra.

Leia também: Exposições e lançamento de livro são dicas de passeios culturais em São Paulo 

A exposição “ Musicais no Cinema ” tem o apoio da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Sérgio Sá Leitão, atual secretário, afirmou que tem trabalhado em parceria com MIS para entregar exposições de qualidade e aproveitou a oportunidade para falar da importância que o teatro musical tem em São Paulo, não só na parte cultural, mas também na parte econômica.