A produção chinesa “Terra à Deriva” é um dos filmes que ninguém ouviu falar (ainda!), mas que já está chamando a atenção pelos números. Dirigido por Frant Gwo, o longa estreou em fevereiro nos cinemas da China e já acumula U$ 700 milhões nas bilheterias, o que o coloca na terceira posição entre as maiores arrecadações do ano; atrás apenas de "Vingadores: Ultimato" e "Capitã Marvel".

Leia também: Spike Lee, volta de "Lucifer" e série do criador de "Revenge" em maio na Netflix

Cena de Terra à Deriva, astronauta aparece assustado e gritando
Reprodução
Terra à Deriva


Sem alarde, "Terra à Deriva" foi disponibilizado na  Netflix  recentemente. Depois de todo o sucesso nos cinemas asiáticos e fundamentalmente em seu país de origem, a produção chegou à plataforma de streaming sem qualquer aviso prévio ou promoção na mídia especializada.

A ficção científica mostra um grupo que tenta evitar a destruição da Terra pelo sol.

Leia também: Noah Centineo dança na TV e confirma que vai viver o He-Man no cinema

    Veja Também

      Mostrar mais