Tamanho do texto

A 76ª edição do Globo de Ouro navegou entre a obviedade e o risco e, se a cerimônia foi enfadonha, ofertou elementos para debates acalorados na web

Era para ser a noite de Lady Gaga e "Nasce uma Estrela". Era! A vitória de Shallow como melhor canção original perdeu até um pouco do brilho ao fim da 76ª edição do Globo de Ouro que consagrou "Bohemian Rhapsody" como o melhor filme dramático de 2018. Além das duas produções, constavam na categoria "Infiltrado na Klan", "Pantera Negra" e "Se a Rua Beale Falasse". 

Leia ambém: "Bohemian Rhapsody" e "Green Book" triunfam no Globo de Ouro 2019; veja lista

Christian Bale ganhou o Globo de Ouro de ator em comédia por
REPRODUÇÃO/TWITER
Christian Bale ganhou o Globo de Ouro de ator em comédia por "Vice"

A escolha de "Bohemian Rhapsody" é puramente emocional e é legítimo que o seja no contexto de um colegiado como a Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood, que outorga o Globo de Ouro , mas é também bastante contestável. No frigir dos ovos, o longa que foi dirigido por Bryan Singer, demitido e substituido por Dexter Fletcher, nem merecia figurar entre os indicados. 

A vitória da cinebiografia do Queen é a maior surpresa na principal categoria do Globo de Ouro desde a vitória de "O Exorcista" em 1974. A favor do filme, no entanto, o apelo maior que a vida do Queen, algo que o gênero de terror não ostentava. 

Rami Malek, que detinha a outra indicação do longa, foi o vencedor entre os atores dramáticos por sua atuação como Freddie Mercury. Ele agradeceu Freddie por ter sido esse homem maravilhoso e inspirador. 

Grande vencedor do Globo de Ouro

Se "Bohemian Rhapsody" foi a sensação na ala dramática, " Green Book - O Guia", que estreia no Brasil em 24 de janeiro, foi o grande vitorioso entre as comédias. O filme de Peter Farrelly ganhou três troféus (filme, roteiro e ator coadjuvante) e se sagrou o maior vencedor da noite. O longa também desbancou o favorito "Vice", que ficou com apenas um prêmio - para Chrisian Bale como ator em comédia.

Leia também: "Avatar", "Os Simpsons" e outros aniversariantes da cultura pop em 2019

A grande derrotada da noite

Glenn Close genuinamente surpresa ao vencer como melhor atriz dramática no Globo de Ouro
Reprodução/Twitter
Glenn Close genuinamente surpresa ao vencer como melhor atriz dramática no Globo de Ouro

Desde que chegou ao tapete vermelho, a noite era toda de Lady Gaga . A expectativa era de que ganhasse o prêmio de melhor atriz por "Nasce uma Estrela". Justamente por isso, quando o nome de Glenn Close, por "A Esposa", foi anunciado todos, inclusive a própria, reagiram em choque. Foi a segunda grande supresa da noite. até porque a HFPA é chegada em um star power e a veterana atriz não é páreo paar Gaga nesse departamento. 

"É preciso sonhar e acreditar que você pode chegar lá", disse a atriz em seu emocionado discurso de agradecimento no melhor estilo de uma estrela nascida. 

"Nasce uma Estrela" acabou com apenas um dos cinco prêmios a que concorria e com a pecha de grande derrotado da noite. A grande vitoriosa foi a Netflix, que ganhou prêmios de prestígio no cinema com "Roma" (Filme em Língua Estrangeira e Direção) e imporantes prêmios na TV com "The Kominsky Method" e "Segurança em Jogo".

Saldo do Globo de Ouro

É inegável que o Globo de Ouro correu riscos, mas entre escolhas corajosas e questionáveis, paira sobre a edição de 2019 a percepção de que os critérios aplicados na escolha dos vencedores careciam de algum refinamento. A temporada de premiações ainda está começando, mas mais do que nunca a HFPA parece ter se distanciado do Oscar. A ver!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.