Tamanho do texto

Com estreia programada para esta sexta-feira (16), série que acompanha rotina de Anitta integra projeto de expansão internacional da cantora

Ao som de Vai Malandra , Anitta entrou na sala da coletiva de imprensa sobre a estreia da primeira temporada de “Vai Anitta”, série da  Netflix que acompanha de muito perto a rotina da cantora e estreia nesta sexta-feira (16). Durante o bate-papo com os jornalistas, a artista adiantou alguns detalhes da produção, mas sobre sua vida pessoal ela preferiu não falar muito, frisando que isso a gente pode ver no documentário.

Leia também: Anitta em dose tripla! Cantora lança três videoclipes de seu EP "Solo"

Anitta estrela série documental da Netflix sobre sua carreira
Divulgação
Anitta estrela série documental da Netflix sobre sua carreira


 “A gente vai falar um pouquinho da minha vida e de como sou, um pouco de como foi no início, mas é bem focada no ‘CheckMate’”, disse Anitta . “Foi com o 'CheckMate’ que tudo fora do Brasil começou a acontecer, então vamos falar da importância desse projeto nesta temporada”.

De acordo a artista, ela teve muitos exemplos do que ela não queria com documentários de outros artistas. “Eu queria um meio termo de um reality e um doc, de algo divertido e sério”, explicou ela, que ressaltou por várias vezes que a primeira temporada da série tem o objetivo de apresentá-la. “Sem entregar demais para ter uma expectativa na próxima temporada” - ainda não confirmada pela gigante do streaming.

Completamente “desencanada de tudo”, a cantora não impôs muitos limites sobre o que poderia ou não ser filmado, ao contrário disso, ela revelou que deu até alguns “mini esporros” na equipe porque dizia que era para filmar tudo. “Eu chorei, filma. Não estabeleci nenhum limite. Mais para o final a galera foi pegando uma intimidade comigo”.

Anitta concede entrevista coletiva em São Paulo
Divulgação/Netflix
Anitta concede entrevista coletiva em São Paulo

Aliás, ela é tão desencanada que contou que o público poderá vê-la sem maquiagem, nos seus dias mais desarrumada e tudo mais, o que até bateu um certo arrependimento. “Agora que estou solteira me perguntei ‘por que não me arrumei mais? Por que não coloquei uma maquiagem, fiz o cabelo?’. Tem uns dias que estou bem destruída e não estou nem aí, não deixava de registrar alguma coisa por não estar glamorosa”, explica.

Leia também: Completamente nua, Anitta grava seu novo clipe coberta por cobras!

Como ela gravou sua série enquanto ainda era casada com Thiago Magalhães, a curiosidade de saber se o rapaz apareceria no documentário era algo que estava na cabeça de todo mundo e ela respondeu sem maiores problemas que não editou as aparições do ex. “Tudo ficou como ficou”, disse ela, que também revelou que no início ele não queria muito aparecer, mas aos poucos foi se acostumando com a ideia.

A produção também contou com uma breve pausa, que repercutiu na data delançamento; isso porque Anitta acabou tendo uma crise de depressão muito grade – que também será contada na série . “Nesse momento eu não conseguia gravar, não conseguia nada, então tem um vácuo nesse momento”, observa.

A artista ficou cerca de três meses sem conseguir assimilar as coisas e, por isso, sua equipe não continuou o projeto. “Se eles tocassem para frente sem que eu estivesse em condição de acompanhar, depois eu não ia ficar feliz. Todo mundo parou, ficou me esperando”, completou.

E agora, Anitta?

Divulgação/Netflix
"Vai Anitta" estreia no próximo dia 16 de novembro na Netflix


É natural que se pense que depois de um projeto como esse, ela queira seguir a carreira de atriz, mas ela foi firme ao dizer que não. “Eu recebi no final do ano passado uma proposta como atriz e para mim foi inacreditável”, conta. “Eu fiquei muito na dúvida, porque nunca pensei que um convite desses poderia acontecer. Eu teria que ficar em Nova York uns meses e ia acabar influenciando na minha vida como cantora, iria me colocar em um patamar que eu nunca havia pensando e eu não sabia se era hora”,  contou

A artista acredita que “esse tipo de coisa” é para quem já está em uma zona de conforto que ela não está. “Não estou em um momento de ‘pronto, fiz tudo, acabou”, ressaltou. "Agradeci o convite e penso que as vezes é melhor ir um degrauzinho de cada vez do que pegar o elevador e ir direto pro último andar se você não sabe como vai sustentar isso depois". 

Anitta na Netflix e sua projeção internacional

Anitta durante coletiva de imprensa do lançamento de sua série
Divulgação/Netflix
Anitta durante coletiva de imprensa do lançamento de sua série


A artista sabe que com uma série na Netflix sua carreira internacional dá mais um grande passo e conta que, por isso, ela e sua equipe tomaram muito cuidado com o que colocar lá. "É uma série que vai para o mundo todo. Ao mesmo tempo que aqui do Brasil muita gente me conhece e tem coisas que serão muito óbvias, é uma apresentação para quem nunca viu também", comenta. "Esse foi o grande desafio da série, fazer interessante para o Brasil, que já me conhece, mas também me apresentar para as pessoas que nunca ouviram falar de mim na vida".

Para ela, que já tem um mercado latino "bacana", o mercado norte-americano está apenas começando e a série mostra o primeiro passo que realmente deu esse impulso, que é o "CheckMate". 

Leia também: Anitta no EMA: cantora aposta em look brilhante e é premiada

Agora é hora de viver o sonho, comemora a artista. "Eu nem acreditava que tudo isso seria possível. Eu tenho 25 anos, tudo o que conquistei com 25 eu achei que só teria daqui 10, 15 anos. "Eu construí muita coisa e tenho que exercitar isso de já ser realizada com o tudo o que tenho", finalizou Anitta .

    Leia tudo sobre: Anitta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.