Assistir séries se tornou um dos hobbies do momento, principalmente entre os jovens , que aproveitam o tempo livre para ficarem a par das tramas. No transporte público, por exemplo, eles são facilmente vistos no celular ou tablet, com muito foco e atenção para não perderem nenhum detalhe de algum episódio.

Leia também: Hit nos EUA, "Riverdale" aposta no mistério e chega ao Brasil pela Warner

undefined
Google Docs
Jovens destacaram o que os atraem em séries: "melhores e mais viciantes do que filmes"

De acordo com dados de uma pesquisa realizada pelo iG Gente , com jovens entre 18 e 24 anos, o motivo principal das séries terem tomado conta da rotina deles é o destaque do gênero, que se sobressai aos filmes e são vistos como melhores e mais viciantes. Tal resposta é surpreendente quando se tem uma opção de “sou da geração Netflix”, já que 90% deles declararam a empresa como a principal plataforma de streaming.

Leia também: Criador de "13 Reasons Why" defende cena polêmica de estupro na 2ª temporada

O vício por séries

undefined
Montagem por divulgação
"Supernatural", "Pretty Little Liars" e "Grey’s Anatomy" se consagram como as primeiras séries assistida pelos jovens

A caça aos demônios dos irmãos Winchester, em “Supernatural”, exibida no Brasil pela Warner, ganhou o posto de primeira série assistida por essa geração pesquisada pelo iG Gente . O gênero de suspense abriu portas para esse tipo de atração, e quando misturado ao drama de amigas deu a “Pretty Little Liars”, da Freeform, o segundo lugar na pesquisa, seguida da trama médica de “Grey’s Anatomy”, original da ABC e exibido no Brasil pelo canal Sony e também disponível no catálogo da Netflix.

Atualmente, os jovens, por mais atarefados que sejam, sempre tiram um momento para se dedicarem a séries. 37% deles assistem todos os dias, enquanto 28% reservam um tempo entre uma e três vezes na semana. O que chama atenção nesse grupo é que até os 22 anos se destacam por assistirem diariamente, embora 22% das pessoas com 23 e 24 anos acompanhem próximo de 10 títulos, enquanto 28,5% dos de 18 anos afirmam ter perdido as contas de quantas séries acompanham.

Assistir a muitas histórias de uma vez pode parecer confuso, mas acredite: é possível organizar tudo, pois existem alguns aplicativos para ajudar nessa tarefa. Carolina Cavalcanti, 24, é uma das adeptas a esse tipo de ferramenta: “Estou assistindo cerca de 30 séries no momento. Uso o aplicativo TV Time para me organizar”, contou a estudante.

Dificuldades de favoritismo

undefined
Reprodução/ Facebook
A estudante Bárbara Modesto, 20, destaca "13 Reasons Why" como sua série favorita e argumenta sobre a escolha

Em meio a diversidade de tramas, os jovens demonstraram dificuldade em escolher somente uma favorita. No entanto, Bárbara Modesto, 20, não teve dúvida em consagrar “13 Reasons Why” e fez questão de explicar a escolha: “É minha favorita, porque é uma série que fala de coisas do cotidiano que muitas pessoas fazem e não observam”.

Apesar da maioria não ter conseguido classificar o favoritismo, “13 Reasons Why”, original da Netflix, dominou a pesquisa e é, atualmente, a segunda série mais assistida entre esse grupo, ficando  atrás de “ Riverdale ”, da The CW, exibida no Brasil pela Warner Channel.

Ambas se notabilizam pelos enredos adolescentes, embora a segunda seja de uma trama com abordagem séria, de assuntos como bullying, suicídio e estupro, o que chama atenção quando o topo da pesquisa se dá a uma série de mistérios sem pretensão de conscientizar o público.

undefined
Montagem por divulgação
"Riverdale" e "13 Reasons Why" são as séries mais assistidas pelos jovens no momento

Interações sobre o assunto

undefined
Google Docs
Jovens se informam sobre séries por meio das redes sociais

Vale ressaltar que, além de estarem cada vez mais ligados a séries, 77% dos jovens afirmaram a preferência por assistirem aos títulos sozinhos. No entanto, a interação sobre o assunto não pode faltar, por isso a maioria deles apontou as redes sociais como lugar ideal para se informar sobre as tramas, já que é possível encontrar inúmeras páginas dedicadas ao gênero. Alguns participantes da pesquisa também participam de fóruns de discussões, incluindo alguns online como HT Forum e Reddit.

Leia também: Netflix supera Disney no mercado acionário e é empresa de mídia mais valiosa

A figura feminina se sobressaiu no interesse por séries , embora as tramas não tenham classificação de gênero. De acordo com os dados levantados, somente 27% do público são homens. Apesar desse detalhe, todos tem um interesse em comum: se aprofundar em diferentes histórias.

    Veja Também

      Mostrar mais