Tamanho do texto

Gregório Duvivier ressalta importância do "Greg News" para público brasileiro: "tem uma carência de ver a notícia de um jeito bem humorado"

Para quem sentiu falta do “Greg News”, a HBO apresenta um episódio especial do programa na próxima sexta (15) para dar conta do que aconteceu de setembro para cá. Não foi apenas o público que sentiu a ausência do talk-show no canal. “Não dava para ficarmos fora do ar por cinco meses, o Gregório estava tendo uma síndrome de abstinência”, brinca Roberto Rios, Vice-Presidente de produções originais da HBO para a América Latina em entrevista para falar sobre a nova temporada do programa com estreia programada para 2018, mas ainda sem data definida.

Leia também: Gregorio Duvivier quer conquistar "isentões" com novo programa na HBO

Gregório Duvivier elogia departamento jurídico
Divulgação
Gregório Duvivier elogia departamento jurídico "não-conservador" e fala sobre liberdade no ''Greg News''


Com modelo “genérico” como o próprio Roberto classifica, “ Greg News ” se baseia em outras produções que internacionalmente já são reconhecidas por apresentar informações sérias de modo descontraído e que seja mais atrativo para os espectadores. A ideia surgiu a partir da vontade do canal de realizar algo especialmente moldado para Gregório Duvivier , pois a vontade de trazê-lo para a programação já era anterior à concepção do “Greg News”.

Leia também: Gregorio Duvivier diz que não será imparcial em novo programa na HBO

“Eu acho que a gente conseguiu fazer o que queríamos, que era falar de política com liberdade total, falar o que a gente achava sem restrições [...] foi o programa que a gente queria”, comemora o ator sobre os bons resultados que a primeira temporada da atração teve. A confirmação de uma nova temporada e o especial reiteram o bom desempenho da atração que põe política e questões sociais no foco central. Confiante, Rios diz: “Estávamos condenados ao sucesso. Embarcamos nesse projeto com uma segurança de que estávamos fazendo a coisa certa”.

Leia também: Rachel Sheherazade e Gregório Duviver trocam farpas nas redes sociais

Temática complexa e percalços

Gregório Duvivier é bastante conhecido por sustentar uma posição política firme, principalmente na internet onde coleciona seguidores que compartilham da mesma visão de mundo que ele. É esse mesmo enfoque pessoal do ator que embala os episódios de “Greg News” – alguns dos temas (espinhosos) tratados foram o governo de Michel Temer, Lava-jato e partidos políticos, dentre muitos outros.

Para evitar maiores controvérsias há um departamento jurídico por trás do programa que regula o que pode ou não estar no roteiro do monólogo do humorista. “Isso não significa, no entanto, que seja um departamento conservador, a gente está disposto a correr riscos e acredito que tenha dado certo”, explica Gregório reafirmando que, apesar disso, não há limitações quanto ao que será dito no programa, defendendo o trabalho do departamento dizendo que isso o “liberta” de dizer coisas que possam ser prejudiciais.

Deficiência brasileira

Projeto ambicioso com Gregório Duvivier que integra TV, streaming e internet, é comemorado pela HBO
Reprodução/Youtube
Projeto ambicioso com Gregório Duvivier que integra TV, streaming e internet, é comemorado pela HBO

Política, economia e questões sociais costumam ficar reservadas aos noticiários “sérios”, porém Gregório defende que isso é uma limitação e que há outras maneiras de se tocar nesses tópicos. Sustentando a visão da “estrela” do programa, o vice-presidente da HBO diz que “temas tão complicados precisam de um respiro de humor e inteligência”.

Com uma crítica atenuada sobre o perfil de consumo nacional, o ator justifica a necessidade do “Greg News” hoje em dia. “Acho que o brasileiro tem uma carência de ver a notícia de um jeito bem humorado, porque a gente tem uma vocação para o humor, nossa dificuldade de consumir notícias é porque o jornal normalmente não fala [com o público]”.

Faz parte desse plano estratégico ganhar força em diversos ambientes – o programa é distribuído na televisão , no aplicativo de streaming da HBO e trechos generosos dos episódios são postados no Youtube. Entusiasta da investida que o canal está fazendo, Roberto Ríos comenta que a experiência multi-plataforma é mais globalizante e aumenta exponencialmente o alcance do conteúdo.

Olhando com um viés social para a diversidade da distribuição, o âncora do “Greg News” fala sobre a acessibilidade do seu trabalho – que deste modo é visto por pessoas com perfis mais distintos, inclusive pela possibilidade do acesso gratuito em dispositivos móveis. “Para mim foi muito incrível em termos de alcance. Eu falo de política, falo de temas tão áridos, mas ainda assim a gente conseguiu atingir muitos públicos, e nós mesmos ficamos surpresos”, revela Gregório Duvivier.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.