Tamanho do texto

Renato Aragão e Dedé Santana retomam parceria no cinema e falam com saudade dos ex-integrantes de "Os Trapalhões". Saiba mais do novo filme

Quem estava com saudade de ver Renato Aragão e Dedé Santana juntos no cinema pode assistir a "Os Saltimbancos Trapalhões - Rumo a Hollywood", que estreia nesta quinta-feira (19).  Nem parece que se passaram 17 anos - a química entre os dois já se mostra a mesma na primeira cena. Os dois contam ao iG sobre esse reencontro e bastidores do filme.

Leia mais:  "Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood" é para fãs do grupo

Didi e Dedé se reencontram em 'Os Saltimbancos Trapalhões'
Divulgação
Didi e Dedé se reencontram em 'Os Saltimbancos Trapalhões'



"Eu estava com muita saudade de fazer cinema, é minha paixão. E o Dedé é um parceiro para a vida toda. Eu brinco que ele fez plástica, não podia deixar passar em branco, mas botóx ele não tem não, eu inventei", diverte-se o eterno Didi Mocó. O companheiro de cena em "Os Trapalhões" comenta como foi voltar a atuar com Renato. "Fazer cinema com ele é muito bom! Fizemos mais de 40 filmes juntos, além de muita televisão, muitos shows... A gente tem uma ligação muito grande, olho pra ele e sei mais ou menos o que está querendo e ele sabe pra onde conduzir", diz Dedé.

Leia mais: Maria Clara Gueiros fala de "Os Saltimbancos Trapalhões"

Mussum e Zacarias

Os dois falam das lembranças que tiveram no set com essa nova versão de "Os Saltimbancos Trapalhões", filme que já haviam feito em 1981 com Mussum e Zacarias . "Embora a história seja diferente, lembrei muito dos dois. Na cena do macarrão o Mussum fez um negócio que eu nunca mais esqueci: pegou um a coxa de galinha, enfiou na boca e deixou atravessado (imita o gesto). Aquilo não era ensaiado, era improvisado", recorda Dedé.

Dedé imita coxa de frango na boca de Mussum e Letícia Colin se diverte
Reprodução
Dedé imita coxa de frango na boca de Mussum e Letícia Colin se diverte


Leia mais: Globo prepara nova versão de Os Trapalhões para 2017

Os dois aparecem chorando sem falar nada, chorando, reunidos com o grupo em uma cena antiga inserida no final do longa, quando Didi se acaba de chorar de verdade no momento em que todo o elenco o aplaude. "Foi uma volta ao passado muito grande. Não era aquela cena que eu ensaiei, eu ia ser aplaudido pelo elenco atrás da cortina. Quando me puxaram para o palco e vi o elenco aplaudindo, eu desabei, comecei a chorar. Nem vi aquele take dos Trapalhões, mas nem precisou", confessa Renato.

Renato Aragão se emociona ao falar do filme
Reprodução
Renato Aragão se emociona ao falar do filme

Para ele, "o filme mantêm a essência dos Trapalhões e vai atingir a terceira geração. Os pais vão dizer aos fihos: 'isso é do meu tempo, eu via muito'. E eu agradeço". Questionado se o humor mudou ao longo das décadas, responde, do alto de seus 82 anos: "O meu não, o dos outros não sei".

Atrizes

Letícia Colin é uma das estrelas do elenco - que conta com Alinne Moraes, Marcos Frota, Emílio Dantas, Maria Clara Gueiros, Rafael Vitti e outros nomes.  Ela vive Karina, filha do Barão ( Roberto Guilherme ), dono do circo, e ajuda Didi a colocar em prática o musical que os salvará de baixar a lona para sempre. "Foi emocionante estar em um filme dos Trapalhões, é muito emblemático. Desde o primeiro momento que soube que estavam pensando no meu nome, começaram as orações. Esse filme emocionante, divertido, brilhante", diz a atriz, que recorrer a vídeos e filmes antigos do grupo. "A internet democratizou o acesso, hoje em dia a gente consome as coisas como se fosse do nosso tempo".

Letícia diz se a experiência em musicais no teatro como "Hair", "O Grande Circo Místico" e "Mas Por Quê??! A História de Elvis" a ajudou a fazer as cenas. "Dá uma segurança de já ter cantado, mas é bem diferente fazer filmado. A repetição dá uma tranquilidade, saber que dava pra filmar no estúdio, deixar bonitinho".

Maria Clara Gueiros e Lívian Aragão contracenam em 'Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood'
Reprodução
Maria Clara Gueiros e Lívian Aragão contracenam em 'Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood'


Lívian Aragão, filha de Renato, também está no elenco. O pai coruja fala da escalação - eles já fizeram outros filmes bem antes de a atriz ter os atuais 17 anos. "Ela respirou cinema desde bebezinho, a mãe levava para assistir às cenas. Um dia ela disse: 'papai quero fazer um filme, mas quero com começo, meio e fim'. Falei que ela tinha que entrar numa fila, não é porque é minha filha que entraria, e ela disse: 'eu já sei chorar, papai'. Não teve jeito, escorreram duas lágrimas dos olhos dela e dos meus também", diz ele, emocionado. 

Dedé aposta em clássico do cinema nacional; Letícia fala da personagem
Reprodução
Dedé aposta em clássico do cinema nacional; Letícia fala da personagem

O diretor João Daniel Tikhomiroff diz que lidou bem com os improvisos de Renato Aragão - mostrados ao final de "Os Saltimbancos Trapalhões - Rumo a Hollywood".  "Trabalhar com o Rento é uma delícia, é um super profissional. Ele leva tudo muito a sério, decora, e tem o improviso, botar os cacos que ele gosta. A gente tem que deixar fluir, se não atrapalha porque é uma química maravilhosa que existe eentre Didi e Dedé e até com os outros personagens".

E será que a parceria continuará no cinema? "Eu estou torcendo que sejam feitos novos filmes. Enquanto o velho aguentar, estamos aí", diz Dedé, que aposta: "'Os Saltimbancos Trapalhões' vai ser um clássico do cinema nacional'.