Tamanho do texto

Essas animações tem potencial para deixar qualquer filme clássico de terror para trás; separamos dez animes do gênero para quem é apaixonado por ele

Com um ritmo, história e clima muito peculiares, o Japão é conhecido por ter excelentes produções de terror – e, claro, as animações não ficariam de fora. Abordando desde temas psicológicos, passando por contos sobrenaturais e chegando até em abordagens futurísticas, animes de terror são um ótimo entretenimento para quem procura algo diferente, original e, claro, histórias chocantes. Listamos os dez melhores animes de terror para quem é apaixonado pelo gênero.

Leia mais:  Caos futurístico: veja lista com os dez melhores animes cyberpunk já feitos

“Another”

Reprodução
"Another" foi um dos maiores sucessos recentes dos animes

“Another” é um dos poucos animes de terror que, além da atmosfera meio sombria, é cheio de mistérios que prendem a atenção na história. Os episódios são focados nas personagens Sakakibara, um jovem que acabou de pedir transferência para a escola em que tudo acontece, e Misaki Mei, uma menina que é completamente invisível para os colegas de classe – mas a exclusão tem um motivo: desde que um estudante daquela classe morreu anos atrás, os colegas passaram a agir como se um dos alunos não existisse para evitar acontecimentos terríveis. Intrigado, Sakakibara se aproxima de Misaki e começam uma amizade, mas, ao mesmo tempo, uma série de mortes sinistras começa a acontecer.

“Elfen Lied”

''Elfen Lied'' se destaca por ser um anime muito violento
Reprodução
''Elfen Lied'' se destaca por ser um anime muito violento

Derivado de um mangá de enorme sucesso, “Elfen Lied” é recheado de gore e violência psicológica. A história envolve a relação conflituosa entre os seres humanos e a raça dos Dioclonius, uma espécie de raça humanoide super-desenvolvida com capacidades assombrosas. Os humanos querem eliminar a existência dos Dioclonius, mas antes se aproveitam deles para pesquisas e outras finalidades. Por outro lado, os humanoides querem vingança por todo o sofrimento que passaram nesse tempo. “Elfen Lied” foca na personagem Lucy, uma Dioclonius mantida em cativeiro em um laboratório que consegue escapar.

Leia mais:  Dez adaptações live-action de mangás que honram os originais

“Jigoku Shoujo – Hell Girl”

''Hell Girl'' é um clássico de terror
Reprodução
''Hell Girl'' é um clássico de terror

Ai Enma foi, há centenas de anos, condenada a ser enterrada viva com sacrifício aos Deuses de sua vila, mas escapou com vida – porém, anos depois, foi traída pela pessoa que a poupou na primeira vez e ela e sua família foram enterrados vivos. Enma jura vingança e oferece sua alma para o Deus do inferno em troca de mudar o destino de seus familiares. Ela promete levar oito mil almas para o inferno em mil anos como parte do acordo. A história de “Hell Girl” se desenrola a partir de um site, “Jigoku Tsuushin”, em que Enma recebe pedidos de vingança e manda as pessoas para o inferno através dele.

“Mirai Nikki”

''Mirai Nikki'' foi um febre quando foi lançado
Reprodução
''Mirai Nikki'' foi um febre quando foi lançado

Quando lançado, “Mirai Nikki” foi um enorme sucesso por ter uma história em que a vida das personagens se entrelaçam e precisa ser acompanhada capítulo a capítulo. “Mirai Nikki” – traduzido literalmente como “diário do futuro” – é quase um jogo: existem 12 diários que são dados por um Deus a 12 pessoas diferentes que precisam se eliminar caso queiram continuar vivas. Ou seja, é uma espécie de caçada entre os donos dos diários. Os personagens centrais são Amano Yukiteru e Yuno Gasai – uma dupla quase perfeita e Yuno é uma excelente matadora, ela se responsável por aniquilar os outros possuidores do diário.

Leia mais:  My Anime List é o IMDB que os fãs de animes e mangás precisam conhecer

“Shiki”

''Shiki'' é um animes sombrio e com muitos mistérios
Reprodução
''Shiki'' é um animes sombrio e com muitos mistérios

A história de Shiki acontece em um pequeno vilarejo do interior do Japão quando, em um ano excepcionalmente quente, uma série de mortes começam a acontecer de forma misteriosa. Em pouco tempo, uma grande parcela da população local já foi acometida pelo que acreditam ser uma epidemia e se transforma em uma espécie de “vampiro”, chamados de Shiki. Um jovem, Natsuno Yuuki, terá que deixar sua humanidade de lado para poder desvendar a série de acontecimentos trágicos e fatais que assolam a vila.

“Highschool of the Dead”

''Highschool of The Dead'' é a combinação perfeita de muito sangue, zumbis e personagens bonitas
Reprodução
''Highschool of The Dead'' é a combinação perfeita de muito sangue, zumbis e personagens bonitas

“Highschool of the Dead” seria quase um “The Walking Dead” dos animes, exceto pela falta de questionamentos morais acerca das personagens – porém é tão violento e sanguinário quanto. No meio de um apocalipse zumbi um grupo de estudantes precisa sobreviver em meio aos mortos-vivos que tentam, a todo momento, transformá-los em um deles. Para quem gosta de ação e “fanservice”, é uma ótima escolha.

“Corpse Party: Tortured Souls”

''Corpse party: turtured souls'' fala de um ritual que deu, no mínimo, errado
Reprodução
''Corpse party: turtured souls'' fala de um ritual que deu, no mínimo, errado

Baseado em um jogo, “Corpse Party” é um anime curto – são apenas quatro episódios que contam uma história, no mínimo, assustadora. Um grupo de estudantes se reúne para se despedir de um deles e realizam um ritual de boa sorte, entretanto, algo sai fora dos planos e eles acabam se conectando com uma realidade paralela de uma escola onde aconteceu um massacre repleto de mortes violentas. Eles, então, precisam escapar dessa dimensão – ou então se juntarão aos fantasmas que os cercam e anseiam por vingança.

“Higurashi No Naku Koro Ni”

''Higurashi No Naku Koro Ni'' engana, mas é um anime cruel e sangrento
Reprodução
''Higurashi No Naku Koro Ni'' engana, mas é um anime cruel e sangrento

Também baseado em uma série de games, “Higurashi No Naku Koro Ni” tem um dos enredos mais perturbados de animes. Diferentemente dos demais, “Higurashi” não tem nada de sobrenatural, apenas a capacidade humana de cometer atrocidades. Todo ano é realizado um festival que, segundo uma tradição do local, no final uma pessoa é morta e outra desaparece. A história do anime – elaborada em “arcos” – mostra um grupo de amigos que, em cada arco, um deles perde a sanidade e comete crimes bárbaros em nome da “tradição”. As mortes dessa animação são, no mínimo, perturbadoras.

“Blood-C”

''Blood-C'' é um dos animes de terror mais intensos já feitos
Reprodução
''Blood-C'' é um dos animes de terror mais intensos já feitos

“Blood-C” faz parte de da franquia de produções “blood”, ou seja, várias animações ligadas pelo mesmo tema. Em “Blood-C” é apresentada uma protagonista, Saya Kisaragi, uma estudante comum que, secretamente, foi treinada como espadachim e tem como missão eliminar os demônios Furukimono. Saya, então, vê sua realidade se dissolvendo e, em um momento, se dá conta de que viveu uma mentira durante toda sua vida e foi parte de um projeto macabro de Fumito Nanahara, a dona de um café que frequentava.

“Ayakashi: Japanese Classic Horror”

''Akayashi: Japanese Classic Horror'' explora lendas clássicas do Japão
Reprodução
''Akayashi: Japanese Classic Horror'' explora lendas clássicas do Japão

Dividida em capítulos, “Akayashi” recria em forma de animação três lendas clássicas de terror do Japão. Na primeira, “Yotsuya Kaidan”, é apresentada a história de uma mulher que, quando traída, busca incessantemente por vingança. “Tenshu Monogatari”, a segunda parte, mostra uma lenda de um amor proibido entre um Deus e um humano. A última, “Bakeneko”, assim como a primeira, mostra um personagem buscando vingança, mas, dessa vez, é uma espécie de demônio felino. Um dos melhores – e mais tradicionais – animes de terror de todos os tempos.