Brian May se sente “frustrado” pela morte de Taylor Hawkins
Marcelo de Assis
Brian May se sente “frustrado” pela morte de Taylor Hawkins

O lendário guitarrista Brian May , do Queen , revelou que se sente frustrado com a morte de seu amigo Taylor Hawkins , encontrado morto no dia 25 de março em um hotel na cidade de Bogotá, na Colômbia. O músico tinha 50 anos e era muito próximo de May.

“Taylor nem era da minha geração. Eu penso nele como um menino – da mesma forma que eu vi George Michael como um menino – perdê-los parece muito errado” , disse Brian May em uma entrevista ao programa Debatable da SiriusXM . “Isso faz você se sentir tão frustrado. Faz você se sentir como estivesse negociando com a morte. Faz você se sentir como se você olhasse o suficiente, se você falasse sobre isso o suficiente, se você analisasse o suficiente, então talvez você pudesse trazê-lo de volta, mas é claro que não é assim que tudo funciona”, disse o músico de 74 anos.

May também revelou que Hawkins era um grande fã do Queen e “o melhor publicitário do Queen de todos os tempos” : “Ele tem sido tão bom para a nossa imagem! Onde ele meio que nos considerava legais – o que na época muitas pessoas não consideravam … Nós nos unimos instantaneamente porque Taylor e Pat Smear eram os fãs mais informados do Queen, eles sabiam mais sobre nós do que nós. Ficamos chocados ao descobrir o quanto eles sentiam por nós.”.

E concluiu: “Taylor era muito próximo (do Queen), ele esteve no meu estúdio algumas vezes. Na minha vida, falo com ele muitas vezes. Falei com ele apenas uma semana. atrás de quando o perdemos.Falamos sobre coisas, falando sobre Dave (Grohl), sobre como é a vida, suas alegrias, frustrações, estar no Foo Fighters”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários