Warner, Sony e Universal Music fecham seus escritórios na Rússia
The Music Journal Brazil
Warner, Sony e Universal Music fecham seus escritórios na Rússia

Em conjunto com outras 200 empresas multinacionais que boicotaram o mercado russo em uma tentativa de protesto contra a ação militar na Ucrânia , as gigantes da indústria musical Warner Music, Sony Music Entertainment e Universal Music Group suspenderam todas as operações na Rússia e fecharam seus escritórios. Outras empresas globais como o Google, Mastercard, Visa, Samsung, Apple, Coca Cola, McDonalds, Live Nation e o próprio Spotify , fizeram o mesmo.

A medida ocorreu quando a invasão da Ucrânia pela Rússia entrava em seu 13º dia. O grupo também divulgou que fez doações para organizações humanitárias que trabalham na Ucrânia.

“Estamos com nossos parceiros que estão no terreno, entregando ajuda humanitária urgente aos refugiados ucranianos”, disse um comunicado das gravadoras.

Segundo a empresa, além do apoio institucional, os seus funcionários também estão apoiando a causa e concentrando as doações em três organizações: CARE, World Central Kitchen e Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários