Alicia Keys: de atriz mirim à diva mundial
Thereza Blota
Alicia Keys: de atriz mirim à diva mundial

Pense em uma cantora norte-americana que vendeu mais de 12 milhões de cópias só com o álbum de estréia da carreira. Agora some isso a uma excelente pianista, compositora, atriz, produtora e empresária de sucesso.

Provavelmente se você é muito fã, como eu, o nome Alicia Keys pode ter passado pela sua cabeça. Se você ainda não conhece o trabalho desta versátil artista, esta matéria pode te ajudar a desvendar um pouco do trabalho de Alicia Augello Cook, ou como anteriormente dito, a famosa Alicia Keys.

Alicia nasceu em Manhattan, Nova York (EUA), no dia 25 de janeiro de 1981 . Filha de Teresa Augello , e Sam Cook , tem um misto de ascendência ítalo-irlandesa-escocesa com jamaicana.

Possui um estilo de voz de diferenciado e forte. É contralto (tipo de voz feminina grave), e atinge três oitavas.

Com apenas 4 anos de idade , começou a carreira artística como atriz do famoso sitcom The Cosby Show , apresentado pelo comediante Bill Cosby.

Aos 7, Alicia Keys já tocava Beethoven, Mozart e Chopin no piano. Aos 14 compôs sua primeira canção, e aos 16 foi considerada a melhor aluna da sala, na Escola de Artes Profissionais , em Manhattan.

Mas foi gravando uma “demo”, e enviando ao produtor Jermaine Dupri , do So so Def , distribuído pela Columbia Records , que estava começando a trilhar seu caminho de sucesso. Sua primeira canção profissional Dah Dee Dah (Sexy Thing) , fez parte da trilha sonora do filme Men in Black , em 1997.

Mais tarde, descontente com os rumos da Columbia Records , Alicia conheceu Clive Davis , produtor que descobriu Whitney Houston , e com ele, foi contratada pela Arista Records.

Leia Também

Com a dissolução da Arista, Clive a convidou para fazer parte de seu selo, a J Records. E foi neste selo que Alicia emplacou mais 2 sucessos de trilhas sonoras para os filmes Shaft e Dr. Dolittle 2 , em 2000. De lá pra cá, vieram músicas como: No One, My Boo (com Usher Raymond ), Girl on Fire, If I Ain’t got you, Empire State of Mind (com Jay-Z ), Put it In a Love song (com Beyoncé ), e outras, somadas a álbuns de enorme sucesso como: Songs in A Minor (2001), The Diary of Alicia Keys (2003), As I Am (2007), The Element of Freedom (2009), Girl on Fire (2012), Here (2016), Alicia (2020), Keys (2021/2022).

Destacamos nesta poderosa lista, o álbum Here , politicamente importante por se tratar do empoderamento de mulheres e negros. Here é mais que um simples álbum de músicas, mas sim, um discurso e um grito de socorro para a igualdade racial e de gênero, onde Alicia levanta com maestria essa bandeira.

Sua vida pessoal também trilha o sucesso. É casada desde 2010 com o rapper e produtor musical Swizz Beatz , e têm 2 filhos ( Egypt e Genesis ).

Hoje, Alicia Keys já é considerada uma das maiores vozes do R&B e do soul, e já declarou algumas vezes seu amor pelo Brasil, em especial, na segunda vinda, num show maravilhoso que fez no Palco Mundo , do Rock in Rio (2017).

Nada mal para quem tem apenas 40 anos de idade . Aguardemos novidades da Diva!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários