Pedro Motta e Henrique
Divulgação
Pedro Motta e Henrique


"Uma boa atitude esmaga milhões de erros." Essa frase cai como luva e serve para ilustrar a polêmica envolvendo a dupla Pedro Motta & Henrique, dona da música "Lili".  Isso porque a versão original, lançada em 19 de dezembro do ano passado, fala sobre um homem ter se sentido enganado após descobrir que sua amante é uma travesti. Por conta da abordagem equivocada, a Aliança Nacional LGBTI+ protocolou uma notícia-crime para que o Ministério Público de Goiás apurasse a suposta prática criminosa de transfobia.

Porém, depois da repercussão negativa, os cantores sertanejos apresentaram uma versão romântica da faixa, retratando o sentimento de um casal que coloca o amor acima de tudo para ser feliz. Entre os versos cantados, destacam-se frases, como: "Agora eu entendo por que ela demorou pra fazer amor / Mas pra mim amor não tem nem sexo nem cor / Beijei sua testa e falei 'bebê, fica tranquila' / Você vai ser pra sempre a minha menina".

Você viu?

Para Pedro, "o mundo precisa de amor. Independentemente de que forma ele se manifeste. Um casal que se ama não incomoda terceiros", brincou. Já Henrique completou: "O que uma pessoa faz entre quatro paredes diz respeito a ela e somente a ela. Se o casal está de acordo e é feliz, quem somos nós ou o resto do mundo para levantar qualquer especulação? 'Lili' retrata bem isso. O amor e o bem acima de tudo".

Por fim, mas não menos importante, o clipe foi gravado na paradisíaca praia de Balneário Camboriú, em Santa Catarina, e conta com Alyce Gomes, no posto de protagonista. A escolha, segundo nos contou Pedro, foi feita por intermédio de uma promoção nas redes sociais. "Alyce foi a pérola descoberta entre mais de três mil candidatas. Ela é linda e uma profissional de alto nível. Com certeza, participará de outros vídeos nossos", ressaltou.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários