Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, que completa 80 anos de vida no dia 23 de outubro, é o homenageado da vez de Eduardo Kobra. O ex-esportista é, ao lado de Ayrton Senna, a grande referência do conhecido artista urbano.

Eduardo Kobra homenageia Pelé
Divulgação
Eduardo Kobra homenageia Pelé


"Em todos cerca de 35 países onde pintei, a primeira coisa que falam quando sabem que sou do Brasil é 'Pelé'. Muitas vezes, também dizem 'carnaval', mas sempre tem Pelé. Fico impressionado. Afinal, ele parou de jogar há 43 anos e segue como o brasileiro mais famoso no mundo", destacou, ressaltando que "Coração Santista", com 800 metros quadrados, foi finalizado neste domingo (18) e está localizado na fachada do novo Santos Convention Center, na ponta da praia.


Já sobre a inspiração, Kobra afirmou que ela surgiu por meio da imagem de Pelé atuando pela seleção brasileira, com o suor escorrendo pela camisa e formando um coração em seu peito, cena captada pelo fotógrafo Luiz Paulo Machado, quando trabalhava na revista "Placar".

"O mérito é do profissional. Procurei respeitar esse instante mágico e mantive até o efeito da luz nas mãos da foto original. Mas, claro, coloquei as cores e também muito preto e branco, dentro das características do meu trabalho. Parece que ele está projetado para fora do mural, como um 3D. Também imaginei que o suor tivesse formado a palavra 'Santos', como referência ao seu amor pela cidade e pelo clube", manifestou-se o muralista.

    Veja Também

      Mostrar mais