Luísa Mell revela violência médica e fala do divórcio
Reprodução/Instagram
Luísa Mell revela violência médica e fala do divórcio

Luisa Mell usou as redes sociais para fazer um longo desabafo sobre o que ela denominou como 'o ano mais triste ' de sua vida. A influenciadora e ativista contra os maus tratos de animais relembrou no Dia do Perdão para os judeus ao falar do episódio de violência que foi vítima ao ser operada sem autorização.

Luisa revelou que no final do ano passado foi a uma clínica fazer um procedimento estético minimamente invasivo: um laser. Na ocasião, Luisa foi anestesiada e ao acordar percebeu que o dermatologista havia feito uma lipoaspiração em suas axilas sem autorização.

"Sempre tive facilidade em perdoar. Até esqueço o que me fizeram. Achava uma qualidade. Mas este ano não. Como perdoar se a dor ainda é viva? Tive o ano mais triste da minha vida. Ainda estou lutando para sobreviver ao horror que me fizeram. Como vou conseguir perdoar se ainda dói tanto? Se ainda choro quando me olho? Destruíram meu amor-próprio porque eles acharam que eu podia ficar melhor", começou ela, que anunciou em julho a separação do empresário Gilberto Zaborowsky após os boatos de traição. Os dois estavam juntos havia dez anos.

A também apresentadora conta que tem feito acompanhamento médico e que continua sem conseguir perdoar os responsáveis. "Faz 9 meses que vou em médicos tentando achar uma solução, como vou conseguir perdoar? Perdoar, não é deixar de punir, nem cobrar alguém. Aliás, não é sobre o outro. (...) Por isso nossos sábios nos ensinam que se o homem perdoar a quem o magoou, se mostrar benevolência e generosidade para com o seu semelhante, os céus vão tratá-lo da mesma forma. Aproveito e peço perdão a todos que magoei. E que sejamos todos inscritos no livro da vida", encerrou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários