Rodrigo Scarpa sofre golpe
Reprodução/O Dia
Rodrigo Scarpa sofre golpe

Rodrigo Scarpa, famoso pelo personagem Vesgo, do programa 'Pânico', recorreu à Justiça de São Paulo após ser enganado e perder R$ 150 mil. O humorista depositou a alta quantia na conta bancária de um homem que se intitulava responsável por uma empresa chamada AGR Serviços Ltda. O homem teria dito ao artista que o dinheiro seria usado para compra de seis caminhões compactadores da marca Ford, veículos estes que seriam de propriedade da AGR, a qual se dizia responsável. Contudo, isso jamais aconteceu.

O ex-Pânico afirma que, em novembro de 2018, assinou um instrumento particular de promessa de compra e venda dos veículos e que, já em seguida, assinou um segundo contrato. O segundo contrato é referente à locação dos veículos, que lhe gerariam os retornos financeiros, mas os veículos sequer foram adquiridos.

Apesar de a previsão inicial ser de R$ 600 mil, Vesgo depositou somente uma primeira parte, de R$ 150 mil, que, segundo seus cálculos, já lhe renderia 8% de lucro em cima do valor investido no negócio, em razão da locação dos veículos que ocorreria para a própria AGR. Mas ao não ver a compra dos tais equipamentos, desconfiou de golpe.


Para tentar desfazer o negócio amigavelmente, assinou um termo de distrato. Entretanto, após assinado, ficou de receber o dinheiro "através de depósito na conta bancária de sua titularidade, até o dia 6 de março de 2019, o que nunca ocorreu", relata Scarpa na ação.

Com o atraso para a devolução do dinheiro, o humorista afirma que teria direito a uma multa de 20% sobre os R$150 mil. Sem receber qualquer valor, ao mover a ação, ele cobrou a quantia de R$187 mil.

Recentemente, no mês de maio, Scarpa pediu a penhora dos lucros e dividendos de titularidade do executado perante a empresa AGR, mas o artista até o momento, não conseguiu reaver nada do dinheiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários