Ricardinho Alves, Lucas Guimarães e Carlinhos Maia
Instagram
Ricardinho Alves, Lucas Guimarães e Carlinhos Maia

Um vídeo de Ricardinho Alves, que defendeu vários times, mas se destacou no Vasco ao lado de Romário, está circulando em grupos de WhatsApp e dando o que falar. Um dos motivos? A forma como se refere ao relacionamento dos influenciadores digitais Carlinhos Maia e Lucas Guimarães e cita o humorista Paulo Gustavo, um dos artistas mais populares e admirados do país, que morreu em maio deste an o, aos 42 anos, devido a complicações da Covid-19.

Ao ver os stories de Carlinhos - que recentemente realizou o sonho de sua mãe - , ressaltou que pensou nisto: "Será que, se fosse um cara qualquer e não tivesse subido na vida, a população brasileira aceitaria essa palhaçada de 'vida daqui, vida dali', 'mamãe, minha sogra?". No entanto, em seguida, afirmou não ter nada contra quem se relaciona com alguém do mesmo sexo, citando o fato de ter muitos amigos, inclusive, um dos mais próximos "é homossexual, o Romulo Nunes, meu parceiro. Só que isso é inaceitável, gente. Pôr na rede social 'vida, vida, meu amor, que não sei o quê, um já foi lá pro céu, né, que eu não vou citar o nome aqui, porque tem que respeitar a família".

Em outro trecho do desabafo, o ex-atleta, que é pai do ator e cantor Renê Thristan, mais conhecido pelo papel de João Pedro, o JP, da novela 'Chiquititas', do SBT, mencionou que, caso não tivesse visibilidade, seria esquadrejado, mas, sendo bem-sucedido, "ganhou um dinheirinho, ficou rico, bilionário e dá BMW para o marido". Além disso, salientou que gostaria de saber "se fosse pobre, se o marido estaria com ele até hoje". Quanto a isso, frisou: "Não estava, rapaz, não estava, pelo amor de Deus, toma vergonha na cara, gente, pelo amor de Deus".

Procurado, Ricardinho disse que "acredita e pratica a diversidade, não compactua com nenhuma forma de preconceito e que isso é uma questão de princípios". Aliás, reiterou que foi um modo de deixar claro que "o dinheiro passou a ser o grande valor absoluto da nossa sociedade". Pouco tempo depois, porém, sua assessoria enviou um comunicado esclarecendo que "em nenhum momento, teve a intenção de parecer preconceituoso, visto que também já foi vítima e sabe a dor que isso pode ocasionar".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários