Hadson Nery na delegacia
Reprodução
Hadson Nery na delegacia

O ex-BBB  Nego Di não imaginava que uma troca de farpas virtual entre ele e o também ex-brother, Hadson Nery , fosse parar na Justiça. Tudo começou após o humorista afirmar que estaria na final do reality, depois ter dito publicamente que não iria.


Hadson então comentou a mudança de postura do ator: "Porr* Nego Di, para de falar do programa que te revelou. Tu era apenas um humorista que não faz ninguém rir. Dê graças a Deus por terem te escolhido. Tu não é a Karol (Conká), dá uma segurada. Falei, tô leve!", escreveu o ex-jogador, que não contava que Nego Di fosse tocar em uma de suas feridas ao respondê-lo. "Não faço ninguém rir, mas nunca bati em mulher. Boa noite, machão", alfinetou o humorista.

Hadson então acionou seu advogado para entrar com um processo contra Nego Di. Mas antes, ele esteve na Delegacia de Crimes Cibernéticos, no Palácio da Polícia, em São Paulo. "Hadson já foi encaminhado para a Delegacia de Crimes Cibernéticos para realizar a ocorrência policial, para ser instaurada a queixa-crime contra o comediante Nego Di. O mesmo afirmou no Twitter que Hadson bateu em sua ex-mulher, fato este totalmente inverídico, conforme declaração de sua ex. O que houve, na realidade, foi tão somente uma medida protetiva na época, que inclusive já foi revogada e o processo foi arquivado. Por tal declaração difamatória e caluniosa, vamos ingressar criminalmente contra Nego Di e na esfera cível com uma ação indenizatória por danos morais pela falsa acusação", informa Elson Junior, advogado de Hadson.



Para comprovar o alegado, a defesa de Hadson enviou à coluna uma sentença de 2018, na qual o juiz determinava a medida protetiva da ex-mulher do Hadson no período de um ano (que já está expirada). Ele também enviou documentos que mostram que o processo contra Hadson, de fato, foi arquivado.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários