O ator Mario Gomes está escrevendo uma autobiografia, que não tem data certa de lançamento, mas sairá ainda neste ano. Só que um capítulo já está totalmente pronto: a polêmica que envolve um romance com Betty Faria e que, segundo ele, selou o fim da sua carreira promissora de galã da Globo.

Leia também: Eduardo Costa revela traição e desabafa: "Não perdoo e sigo em paz"

Mário Gomes arrow-options
Divulgação
Mário Gomes


"Vou contar tudo e o Daniel Filho vai saber como aconteceu meu envolvimento com a Betty Faria. Ela que me convidou para sair. Ninguém sabia até agora, mas vai saber. Vou contar detalhadamente como se passou a nossa aproximação e como esse ex-diretor me perseguiu dentro da emissora", conta Mário Gomes .

Leia também: Traição? Solange Almeida revela motivo da separação

Betty Faria e Mario Gomes tiveram um caso em 1976, quando ela era casada com Daniel Filho. Os dois atuavam na novela 'Duas Vidas' e, segundo ele, o diretor da Globo se vingou afastando-o das produções da emissora e até com difamações em jornais. No ano seguinte, ator foi alvo de um boato que o persegue até hoje: a notícia de que teria dado entrada em um hospital com uma cenoura no ânus.

Ele foi um cara de muita crueldade comigo. Usou o poder todo que ele tinha na Globo para me prejudicar. Na época, eu era um ator que estava no auge e tinha uma carreira promissora, mas fui prejudicado", conta Mário, que era contratado e acabou sendo demitido em 1984. Voltou quatro anos depois e ficou até 2008.

Betty Faria arrow-options
Divulgação
Betty Faria


Leia também: Modelo expõe supostas mensagens de traição que teria recebido de Marcos Mion

"Fiquei por lá, porém não podia fazer sucesso e aí fui para a Record, onde trabalhei até 2014", explica o ator que hoje, esporadicamente atua em séries e filmes e mantém uma carrocinha ambulante de vendas de sanduíches nas praias. Neste verão o pequeno negócio do ator foi suspenso por conta de um tratamento de saúde.

    Veja Também

      Mostrar mais