Tamanho do texto

Maria Bethânia, Sofia Vergara e um festival de música voltado para o empoderamento feminino. A coluna Bastidores está puro Girl Power!

Girl Power! Pela segunda vez a cidade de São Paulo receberá o festival Sonora, evento destinado ao empoderamento feminino na música. Produzido exclusivamente por mulheres, o Sonora acontece entre os dias 29 de setembro e 2 de outubro com shows, debates e conversas com artistas que aderiram à causa de dar mais voz às mulheres no universo das artes.

Leia também: Claudia Alencar é impedida de entrar em casa por policiais: "Não sou bandida"

Festival Sonora celebra o empoderamento e está de volta a São Paulo
Divulgação
Festival Sonora celebra o empoderamento e está de volta a São Paulo

Com atrações como Liniker, Tiê, Karina Buhr, Triz, As Bahias e a Cozinha Mineira, as apresentações irão ocorrer no Centro Cultural São Paulo, Jazz nos Fundos e Red Bull Station. Conversamos com a responsável por trazer o Sonora para a cidade, a produtora LaBaq. Sem esconder a surpresa – e o orgulho – de liderar esse movimento, ela comenta “não esperava que [o festival] tivesse esse tamanho. Ano passado fiz praticamente sozinha!”.

Leia também: Lista do Grammy Latino é divulgada e Anitta não está entre os indicados

A produtora que acredita na importância de se tocar no assunto da igualdade de gênero, sobretudo no campo artístico em que essa diferença por muitas vezes é gritante, mas explicou que apesar da urgência do tema foi difícil tirar os planos do papel, pois o evento não conta com auxílio de leis de incentivo e nem investimento de patrocinadores.

Bluebell
Divulgação
Bluebell

LaBaq contou que só conseguiu levantar o Sonora por causa das redes sociais e que a intenção por trás da proposta falaram mais alto na hora de reunir as envolvidas. “Boa parte das meninas aceitou pela causa. Esse é um festival colaborativo. [O evento] foi abraçado por tanta gente [...] todo mundo está entendendo que isso é uma necessidade”. A cantora Blubell, que é uma das atrações do Sonora, comentou que acima de tudo acreditava na ideia que essa produção quer transmitir. “[A música] é um meio que não encoraja as mulheres [...] achei maravilhosos existir esse festival”, diz.

Mesmo feito 100% por mulheres, a cantora reforçou que a participação de homens no público é de fundamental importância para a causa. A programação completa do Sonora – que ocorre entre os dias 29 de setembro e 2 de outubro – pode ser encontrada na página de Facebook do evento. 

Mais Girl Power!

A colombiana Sofia Vergara, de “Modern Family”,  é, pelo sexto ano consecutivo, a atriz mais bem paga da Tv americana, segundo a Forbes.  Somando salários e contratos de publicidade, a atriz amealhou nada mais, nada menos do que US$ 41,5 milhões na última temporada. Kaley Cuoco de “The Big Bang Theory”, Mindy Kaling de “The Mindy Project”, Ellen Pompeo de “Grey's Anatomy” e Mariska Hargitay de “Law & Order: SVU” completam o Top 5 da lista da Forbes.

Leia também: Empoderada, IZA lança videoclipe com participação de Tais Araújo

Início tímido, mas promissor

Umas das mais icônicas e influentes franquias da TV mundial, retornou à televisão 50 anos após sua primeira estreia, com Star Trek: Discovery. Os dois primeiros episódios já estão disponíveis na Netflix, que distribui a série em todos os territórios em que está presente, com exceção dos EUA, onde é exibida pela CBS.

Cena de
Divulgação
Cena de "Star trek: Discovery"

Protagonizada por Sonequa Martin-Green (“The Walking Dead”), a série teve um ponto de partida tímido e a caracterização dos Klingons não agradou aos trekkers, como os fãs da franquia são conhecidos. Contudo, além dos personagens carismáticos, a presença de Bryan Fuller (“Hannibal” e “American Gods”) como showrunner enseja expectativas de que a nova série pode reunir o melhor de J.J Abrams e Gene Roddenberry. Oremos!

Bethânia de volta

Devido ao grande sucesso da série de shows de Maria Bethânia no início do segundo semestre de 2017, a cantora volta a se apresentar em São Paulo com mais dois shows extras no Citibank Hall, nos dias 13 e 14 de outubro. 

Maria Bethânia
AgNews
Maria Bethânia

A mini-turnê, que já passou por Santo Amaro, Salvador, Recife, Belo Horizonte, São Paulo, João Pessoa e ainda segue para Santos e Florianópolis, traz um repertório que inclui os grandes clássicos dos 52 anos de carreira de Bethânia completados em fevereiro. “São 52 anos pisando no palco, graças a Deus”, comemora Bethânia, hoje com 72 anos. “Gosto de cantar o que eu estou vivendo, o que estou sentindo”, revela. “Cantar é a coisa de que mais gosto. Trabalhar para o canto, para criar, ter ideias. Viver para o canto, em primeiro lugar”, completa.

Os ingressos variam entre R$ 100 e R$ 560 e podem ser adquiridos no site da Tikets for Fun.

Leia também: De romance a zumbis, 7 vezes que Johnny Cash foi trilha sonora no cinema