Carnaval 2022 - Desfile Paraiso do Tuiuti
Reginaldo Pimenta / Agência O Dia
Carnaval 2022 - Desfile Paraiso do Tuiuti


No início da apuração das notas do Grupo Especial, o presidente da Liesa, Jorge Perlingeiro anunciou que a São Clemente entrou com um recurso admnistrativo contra a Paraiso do Tuiuti, que será analisado após a divulgação do resultado. Com isso, o rebaixamento no carnaval deste ano pode ir para o tapetão. O recurso diz respeito ao caso da genitália desnuda, onde a Princesa de Bateria da Paraíso do Tuiuti Mayara Lima teve um acidente durante o desfile e sua fantasia arrebentou na parte de baixo, deixando a genitália à mostra. Em vídeo, é possível ver o momento em que o incidente ocorre e a sambista se cobre com as mãos e informa o ocorrido à sua mãe e a uma auxiliar, na lateral da pista.

Após o ocorrido, Mayara ainda desfilou alguns minutos até que auxiliares lhe trouxeram uma calcinha e ela vestiu. No dia do desfile, a Princesa começou a se arrumar para o desfile às 18h, mas a fantasia chegou com problemas nas amarrações e nas sandálias. Para piorar, ainda pegou trânsito pesado e nem chegou a ir para o camarim da Liesa, destinado para os últimos ajustes, seguindo direto para o recuo de bateria. Na hora, inclusive ela chegou a gritar pelo marido devido aos problemas.


De acordo com o inciso V do regulamento desse ano, as escolas de samba têm por obrigação “impedir a apresentação de pessoas que estejam com a genitália à mostra, decorada e/ou pintada”. O não cumprimento desse item, portanto, poderia levar a perda de 0,5 ponto da agremiação.

Prêmio: Na volta do carnaval, Grande Rio leva Estandarte de Ouro de melhor escola do Grupo Especial

Leia Também

Na Tuiuti, todos negam que Mayara tenha ficado com a genitália desnuda. Mais cedo, em entrevista ao O GLOBO, ela se defendeu e disse que iria provar que não ficou nua:

"Não existe genitália desnuda. Eu não ignorei o fato de a minha fantasia ter rasgado e não desfilei sem calcinha, inclusive tenho fotos que comprovam isso. Minha roupa arrebentou, coloquei minha calcinha logo em seguida e continuei desfilando. Foi tudo muito rápido".

O incidente ocorreu em frente ao primeiro módulo de jurados. Ao executar um passo, a fantasia de Mayara arrebentou na parte de baixo. Imediatamente, ela tapou as partes íntimas e comunicou o ocorrido para sua mãe e uma auxiliar, que seguiam acompanhando sua passagem na lateral da pista

O incidente ocorreu em frente ao primeiro módulo de jurados. Ao executar um passo, a fantasia de Mayara arrebentou na parte de baixo. Imediatamente, ela tapou as partes íntimas e comunicou o ocorrido para sua mãe e uma auxiliar, que seguiam acompanhando sua passagem na lateral da pista.

Responsável pela condução da bateria da Tuiuti, Mestre Marcão tomou ciência ainda na pista sobre o acidente com Mayara Lima. O sambista foi informado por um auxiliar, mas soube que Mayara foi rapidamente atendida por um apoio de destaque, que arrumou uma calcinha para ela vestir.

"Eu soube, mas não vi. Quem observou foi um apoio de bateria que estava ali perto e viu e foi levando, falou com ela, aí ela foi lá para poder acertar e consertar", contou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários