Miss EUA 2019
Reprodução
Miss EUA 2019

A Miss Estados Unidos, Cheslie Kryst, de 30 anos, morreu no último domingo (30) após cair de um prédio em Manhattan, Nova York. A jovem era advogada e trabalhava para a empresa americana 'Extra TV'. A polícia informou ao jornal 'Washington Post' que ela cometeu suicídio.

“É com muita tristeza que informamos a morte de nossa querida Cheslie. Sua luz inspirou outros ao redor do mundo com sua beleza e força. Cheslie era símbolo de amor, seja por seu trabalho como advogada, como Miss EUA e como apresentadora. Mas especialmente como filha, irmã, amiga, mentora e colega”, lamenta um comunicado oficial da família.

Cheslie foi Miss Estados Unidos em 2019 e entrou para a história ao ser uma das três mulheres negras que venceram pela primeira vez, em um mesmo ano, os títulos o Miss USA, o Miss America e Miss Teen USA.

Além disso, Cheslie era conhecida por atuar gratuitamente como advogada para presos injustiçados. Com o alcance após o concurso, ela usou sua voz para falar sobre a reforma da justiça social e criminal.

Leia Também

No Instagram, internautas apontam que a última publicação da modelo foi uma mensagem de despedida. "Que este dia lhe traga descanso e paz", diz a legenda.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários