Eliana, apresentadora
Divulgação
Eliana, apresentadora

Eliana Michaelichen, de 48 anos, relembrou sua infância em participação no "Jornada Astral", programa de Angélica, na HBO Max. No episódio, a contratada do SBT revelou que, por ser filha de um zelador, sofreu preconceito na infância. Segundo a mesma, adultos e crianças optavam por não se aproximar dela por considerá-la muito pobre. 

"Enfrentei muito preconceito. Cheguei a ouvir assim: 'Não quero que minha filha brinque com essa filha de zelador. Não quero essa filha de zelador na minha casa'. Muitas vezes eu ouvi isso. Mas a primeira vez que eu ouvi, eu tinha uns seis anos e foi a primeira vez que eu senti o preconceito", declarou Eliana. "Conversei com a minha mãe, ela pediu para eu relevar, que isso não tinha nada a ver comigo, mas sim com a falta de compreensão dessa pessoa. E que eu era uma menina muito especial, que eu tinha que ter orgulho. Minha mãe era doméstica, e, independentemente do que eles faziam, a gente fazia tudo com muita dignidade", complementou.

Durante o programa, Angélica presenteou Eliana com uma boneca, assim ela pôde se reconectar com a infância e outras lembranças. "A coisa de que eu mais tinha medo era meu pai sair do emprego e a gente não ter para onde ir. Quando eu comecei a ganhar meu dinheiro, a coisa que eu mais desejava era comprar uma casa para a gente nunca mais correr o risco de ser mandado embora e não ter para onde ir. Consegui [comprar a casa] aos 15 anos", relembrou. Durante sua participação no "Jornada Astral", a apresentadora do SBT falou também sobre as características de seu signo, sagitária, que mais se identifica e, após isso, recebeu uma previsão de futuro de uma astróloga.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários