Marília Mendonça virou lei
Marcelo de Assis
Marília Mendonça virou lei


A família de Marília Mendonça achou válida a iniciativa do senado, que aprovou, por unanimidade, a Lei Marília Mendonça , na noite da última terça-feira. O projeto de lei (PL 4.009/2021) tem o objetivo de estabelecer critérios para a sinalização de linhas aéreas para a transmissão de energia elétrica.

"Eles estão sabendo, sim. Acham que se esta atitude servir para evitar que vidas se percam, como aconteceu no acidente em que cinco pessoas morreram, acham muito válido", diz o família de Marília Mendonça, através da assessoria de imprensa da cantora.

O projeto de Lei foi criado em homenagem à artista, que morreu no dia 5 de novembro, após a queda da aeronave. No acidente, que aconteceu em Caratinga, Minas Gerais, onde Marília faria um show, o aprelho colidiu com a rede de transmissão elétrica na região.

A iniciativa partiu do senador Telmário Mota (Pros-RR). Para o parlamentar a ideia é, além de homenagear Marília, evitar novos avidentes. O projeto de Lei recebeu um parecer favorável da senadora Kátia Abreu (PP-TO) e foi aprovado pela comissão de infraestrutura do senado, em Brasília.

De acordo com o projeto, devem ser sinalizadas todas as linhas de transmissão, inclusive aquelas sob concessão ou permissão de distribuição de energia elétrica. As torres devem ser pintadas com cores que possibilitem ao piloto de aeronave identificá-las apropriadamente como sinal de advertência.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários