Tiago Iorc lança nova música
Reprodução/Youtube
Tiago Iorc lança nova música


Tiago Iorc rompeu mais uma vez o hiato, que tinha feito desde junho de 2020, para o lançamento de seu mais novo trabalho: "Masculinidade". O artista, de 35 anos, também exibiu um novo visual: os cabelos completamente raspados.

O single veio acompanhado de um novo clipe, gravado em novembro deste ano, em que foi dirigido por ele. O clima introspectivo veio para discutir a masculinidade tóxica, desmistificando imagens de que "homens não choram", por exemplo. Mas não só. A letra faz analogia com a própria carreira:

"Eu tava numa de ficar sumido. Dinheiro, fama, tudo resolvido. Fingi que não mas na verdade eu ligo. Eu me achava mó legal. Queria ser uma unanimidade. Eu quis provar minha virilidade. Eu duvidei da minha validade. Na insanidade virtual", diz os primeiros versos.

Leia Também

O retorno também foi marcado nas redes sociais. O artista apagou todas as publicações da "era" anterior e postou o teaser do novo trabalho. Na legenda, apenas um coração.

Leia Também


Os sumiços

Foi janeiro de 2018 quando Tiago Iorc decidiu dar uma pausa na carreira. Com um aviso sucinto, o artista disse que precisava descansar e não deu indícios de quando voltaria. O retorno se deu no ano seguinte, em maio, com o lançamento do álbum "Reconstrução" e a gravação de um Acústico MTV.

Leia Também

O segundo sumiço ocorreu meses depois, quando o cantor rompeu com o antigo empresário, Felipe Simas, e assinou com uma nova gravadora. Veio o lançamento do single "Você pra sempre em mim", em junho, e o cantor tornou a se silenciar.

Polêmica com Anavitória

Além do rompimento com o empresário Felipe Simas, a ausência de Tiago Iorc expôs um racha com o duo Anavitória, a quem ajudou a lançar no passado. As cantoras pediram a liberação do cantor para poderem regravar outras músicas. Elas alegavam a dificuldade de entrar em contato com ele. Iorc dizia que o antigo empresário tentava prejudicá-lo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários