Evaristo Costa fala em livramento e fãs entendem como indireta
Reprodução/Instagram
Evaristo Costa fala em livramento e fãs entendem como indireta


O jornalista e apresentador Evaristo Costa causou um burburinho nas redes sociais, nesta quarta-feira (8), ao publicar uma foto com uma possível indireta para a emissora CNN.

Evaristo,  que foi demitido na sexta-feira (3) sem qualquer tipo de aviso prévio, exibiu o novo visual sem barba com legenda enigmática. "Foi um LIVRAMENTO .... ou deveria voltar com a barba imediatamente? Qual sua opinião, por favor?", perguntou aos fãs.

Os seguidores logo responderam ao jornalista. "Só os fortes entenderão.....sim foi um livramento". escreveu uma internauta. "Livramento é sair da CNN!", se irritou outro seguidor. "Foi um livramento... Duplamente falando! Voa menino!", comentou uma fã.


Você viu?


A demissão de Evaristo Costa foi uma surpresa no mundo dos famosos. Segundo o apresentador, ao voltar de férias ele percebeu que seu programa não estava mais na grade da emissora. "Desde do dia 1º de setembro descobri que não faço mais parte da CNN. Sim eu trabalhava na CNN, mas ao voltar das férias, assistindo a nova chamada de programação da emissora notei a falta do meu programa. Liguei pra saber o motivo e fui informado que ele havia sido retirado da grade e que a empresa não tinham mais interesse nos meus serviços. É do jogo!!! ‘Seja feita vossa vontade’. Quando me recuperar do ocorrido dou mais detalhes. Livre na pista.", disse Evaristo.

Em nota enviada à imprensa, a CNN explicou que o programa de documentários "CNN Séries Originais" será tirado do ar e, por isso, o contrato com Evaristo Costa foi encerrado. "Por decisão estratégica e de programação, o CNN Séries Originais encerra sua temporada. Em virtude dessas mudanças, o contrato com o apresentador Evaristo Costa será encerrado. O jornalista contribuiu, até aqui, com seu talento, profissionalismo e carisma para a construção do sucesso da CNN Brasil", diz nota enviada pela emissora.

Evaristo Costa  estreou no comando do programa no fim de maio de 2020. Ele comandava a atração diretamente da Inglaterra, onde está morando. O produto da CNN Brasil apostava em documentários jornalísticos nacionais e internacionais exclusivos.

Veja publicação:


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários