Nego do Borel e Duda Reis
Instagram/Reprodução
Nego do Borel e Duda Reis

Nego do Borel tinha a intenção de entrar na Justiça contra Duda Reis, mas o processo foi inviabilizado. Segundo o colunista Leo Dias, o funkeiro ultrapassou o prazo máximo que tinha para mover a ação.

O cantor acusava Duda Reis de calúnia, injúria e difamação. De acordo com a sentença da juíza Gisele Guida de Faria, ele tinha o prazo de seis meses para entrar com o processo após tomar o conhecimento dos supostos crimes.

O funkeiro tinha até o dia 12 de julho para entrar na Justiça contra a atriz. Porém, ele só teria tomado as ações necessárias no dia seguinte, dia 13 de julho. Por conta disso, o processo movido por Nego do Borel foi inviabilizado.

Nego do Borel acusa Duda Reis de cometer esses crimes por conta das declarações que a influenciadora deu. Após eles terminarem o noivado no final de 2020, a atriz disse que vivia em um relacionamento abusivo e que sofria agressões verbais e sexuais. Ela ainda falou que o cantor mantinha dinheiro e uma arma ilegalmente em casa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários