Lexa e Thay Magalhães
Reprodução/Instagram
Lexa e Thay Magalhães

Lexa teria entrado em uma briga com Thaianna Cristina, conhecida como Thay Magalhães. Ela é a rainha de bateria da escola Paraíso do Tuiuti, mas antes de conseguir o cargo teria tentado puxar o tapete de Lexa para ser a rainha da Unidos da Tijuca. Segundo o colunista Leo Dias, ela tentou substituir a funkeira, mas a briga delas seria anterior a isso.

Em 2020, Thay concorreu à prefeitura de Mesquita, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro. Na época, ela usou o nome de Dra. Thay para tentar ser eleita sob uma campanha declarada "conservadora, cristã e patriota".

Como muito candidatos, Thay usou um jingle polítco para divulgar sua campanha. Ela escolheu fazer uma paródia da música "Chama Ela", que é uma parceria de Lexa com Pedro Sampaio. Porém, a então candidata não teria pedido autorização para usar o single.

Lexa teria ficado incomodada com o uso da música na campaha. A cantora teria pedido para a gravadora contestar a paródia, pois ela violaria os direitos autorais da canção. Mesmo assim, o jingle continuou fazendo parte da campanha de Thay Magalhães.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários