Reprodução

Antes dos jogos olímpicos de Tóquio iniciarem, questões burocráticas foram adaptadas para que o evento fosse realizado de acordo com as normas de segurança contra a disseminação do coronavírus. Uma medida adotada foi a convocação mínima de pessoas da parte técnica, neste caso não sobrou lugar para a mulher do surfista Gabriel Medina, a modelo Yasmin Brunet, acompanhar o surfista nessa viagem.

Após a divulgação das novas normas, Gabriel entrou com recursos, mas o COB (Comitê Olímpico Brasileiro) não permitiu que Yasmin o acompanhasse. O casal aproveitou as redes sociais para demonstrar a indignação e atraiu os olhares dos internautas que passaram a acompanhar essa novela.


Já nos jogos, o número um do ranking da WSL (World Surf League) e favorito ao ouro não conseguiu se classificar para a final e posteriormente perdeu a medalha de bronze para o australiano Owen Right. 

Na disputa das medalhas, a avaliação dos jurados não agradaram os telespectadores, que por sua vez levantaram dúvidas sobre a integridade das notas, como é o caso de Yasmin, que após a disputa usou as redes sociais para apoiar o marido e criticar os jurados.



Você viu?


"Gabriel Medina, você foi incrível! Fez tudo o que poderia fazer e mais um pouco. Tenho muito orgulho de você! Estamos do seu lado e não vamos fingir que não vimos o que aconteceu. Foi roubado na cara dura. Só gostaria muito que alguém se posicionasse e te defendesse. Te amo, meu lindo", escreveu Yasmin.

No contexto dessa novela o casal caiu na graça dos usuários do Twitter. Confira os memes:





    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários