Renata Dávila diz que ex-marido cortou a luz e não paga a pensão da filha
Reprodução/Instagram
Renata Dávila diz que ex-marido cortou a luz e não paga a pensão da filha

A ex-participante do "BBB 12" Renata Dávila publicou um vídeo no YouTube acusando o ex-marido de não pagar a pensão alimentícia e mandar cortar a luz do apartamento onde ela mora com a filha. Ela foi casada com Humberto Pentagna Guimarães, de quem se separou em 2019. Renata falou que na separação, o juiz determinou o pagamento de uma pensão provisória para a filha deles, mas fala que o ex não está cumprindo essa determinação.

Segundo a ex-BBB, o valor determinado seria para cobrir os custos da filha e para pagar o aluguel de um imóvel onde ela viveria com a garota. Humberto não cumpriu essa ordem judicial e foram decretados mandados de prisão contra ele, mas que, segundo o site Notícias da TV, ainda não foram cumpridos por conta da pandemia da Covid-19.

No vídeo, Renata coloca o áudio de uma conversa que teve com uma mulher - cuja identidade não foi revelada - que avisa que Humberto não faria mais pagamentos para a ex-mulher. Durante a conversa, a mulher explica que Humberto falou que se a ex quisesse receber mais algum valor era para ela acionar os advogados e que não ajudaria com dinheiro nem para comprar comida ou produtos de limpeza. "Que tipo de pai vai deixar a filha passar fome?", questiona a ex-BBB durante o telefonema.

Renata tem uma medida protetiva e disse ser ameaçada e agredida verbalmente pelo ex-marido. "Ele me agride verbalmente, me ofende, me diminui e me menospreza. Não é à-toa que eu tenho uma medida protetiva contra ele", diz. Ela chamou Humberto de "mau-caráter" porque ele "dar suporte para uma criança mesmo podendo dar".

Você viu?

A ex-BBB conta que além de não pagar a pensão, Humberto também parou de pagar as contas de internet e luz. Ela fala que só descobriu isso quando percebeu que o sinal da internet estava lento e ficou sabendo que o ex havia cancelado o plano e também o fornecimento de energia elétrica. "Já havia dois meses que a luz tinha sido cancelada, ou seja, em qualquer momento eu poderia chegar em casa e dar de cara com a geladeira sem funcionar e sem luz. Um cenário completamente inapropriado para morar com uma criança", diz.

A loira fala que só decidiu expor toda essa situação que está vivendo quando se sentiu ameaçada pelo ex-marido. "O meu divórcio já estava acontecendo, já havia confusões e eu só expus tudo na mídia porque um dia eu me deparei com ele invadindo o apartamento onde eu moro com a minha filha com um chaveiro, mesmo tendo a medida protetiva. Ele entrou aqui, invadiu, fez uma confusão danada", conta.

Renata Dávila diz que não deseja mal a Humberto, pelo contrário, ela fala que espera que ele seja feliz e perceba os erros que está cometendo. "A única coisa que eu realmente espero é que a justiça seja feita. Não aguento mais essa situação, são dois anos que eu sofri muito e passei por muita coisa", finaliza.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários