Gizelly Bicalho
Reprodução Instagram
Gizelly Bicalho

Gizelly Bicalho, que defendeu Duda Reis no caso contra Nego do Borel , passou por uma crise de pânico após sua saída do "BBB 20". A cobrança dos seguidores e das redes sociais a deixaram em estado crítico. "Tive que tapar todos os espelhos da minha casa, porque eu comecei a me achar horrível", relembra ela, em entrevista ao Notícias da TV.

A advogada revelou que, além do problema com a imagem, enfrentou um pós-confinamento traumático, cheio de decepções, cobranças e crises. "Acho que foi o pior [pós-BBB] de todos. Eu fiquei uma semana sem dormir".

Seguida por milhões de pessoas nas redes, Gizelly declara que todos seus passos geravam algum tipo de repercussão. "Na hora em que eu meto uma lipo, falam que eu sou doente, que eu sou doida. Se você entrar nessa 'noia' da internet, de pessoas que jogam seu lixo emocional lá [embaixo], você também vai acabar ficando doente", comenta.

Diagnosticada com ansiedade e depressão, ela teve que se medicar para recobrar o controle de si mesma. Ao falar do remédio que ingeriu, ela é enfática. "Se você tomar, você vai dormir por três, quatro dias. Eu dormia por quatro horas, acordava e estava tudo bem, sabe? De tão ansiosa que eu estava. Eu estava muito mal com a minha vida".

Hoje mais tranquila e com a medicação suspensa com orientação médica, ela avalia. "Não adianta eu entrar em pânico. Não adianta eu ler os comentários de uma pessoa que não me conhece e fala mal de mim. É claro que você fica meio mal, mas antes, eu realmente absorvia", encerra.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários