Nego do Borel pode ser preso por tentativa de feminicídio, reporta jornal
Reprodução Instagram
Nego do Borel pode ser preso por tentativa de feminicídio, reporta jornal

A polícia vai ouvir na próxima semana a assessora de imprensa Swellen Sauer, ex-namorada de Nego do Borel, na investigação sobre as supostas denúncias feitas contra o cantor pela atriz Duda Reis , agora ex-noiva do funkeiro.

Já uma outra ex-namorada, que tem evitado falar publicamente sobre o caso, será intimada a depor. Outras testemunhas, que teriam presenciados as agressões, também já foram ouvidas no caso que segue em andamento na 1ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher ), em São Paulo.

De acordo com a delegada Gisele Espírito Santo, responsável pela investigação, Nego do Borel será ouvido no final, antes de o caso ser encaminhado ao Ministério Público.

Duas semanas depois de fazer um boletim de ocorrência contra Nego do Borel, no qual o acusa de estupro, agressão e transmissão de uma doença sexualmente transmissível, Duda Reis teve o contrato com sua assessoria de imprensa rompido. O escritório, que representava a atriz, entrou em divergência com as advogadas de Duda, que estariam passando informações para a imprensa sem autorização de sua assessoria.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários