Renata Del Bianco
Reprodução Instagram
Renata Del Bianco

Renata Del Bianco marcou uma geração ao interpretar Vivi em “Chiquititas”  (1997), novela do SBT. Hoje, aos 35 anos de idade, ela guarda boas e más recordações da época. 

Recentemente ela chamou atenção por publicar um relato impactante no Instagram , no qual declara que ser uma pessoa pública desde cedo lhe proporcionou alguns problemas como anorexia, distúrbio de imagem e assédios. Em entrevista ao Portal iG, a atriz, que hoje atua como veterinária, conta que apenas se deu conta disso quando engravidou de Aurora. 

“Foi aí que eu comecei a olhar a situação com outros olhos, analisei a situação de fora para dentro. Foi então que busquei ajuda. Minha família me ajudou nesse processo, mas é uma luta diária”, diz ela, fazendo referência a anorexia e ao distúrbio de imagem.

Apesar de o fenômeno “Chiquititas” ter ajudado a agravar esses problemas, Renata isenta a produção de ser a única culpada pelo quadro. “Eu não posso atribuir a anorexia e o distúrbio de imagem apenas à novela, seria muito injusto. Eu já tinha uma carga anterior.  Eu era atleta federada desde os 5 anos, só podia ter 5% de gordura no corpo. Isso para uma criança é muito pesado”, lembra. 

Renata Del Bianco e sua filha, Aurora
Reprodução Instagram
Renata Del Bianco e sua filha, Aurora

Segundo a eterna Vivi, por ironia do destino, ela acabou encubida da personagem que mais lhe complicaria a vida. “Após alguns testes, eu finalmente recebi a sinopse da novela e descobri que seria a Vivi, apenas a menina mais bonita do orfanato. Isso já começou a criar uma pressão em mim na hora”. 

Com essa carga psicológica, Renata Del Bianco conta que, aos 15 anos, fazia dietas, burlava as refeições, tinha uma preocupação excessiva com seu visual e que isso a atrapalhava de muitas maneiras. “Eu já deixei de fazer muita coisa que gosto para não parecer desajeitada. Tipo, de ir à praia com os amigos para fazer o cabelo. Minha estética vinha em primeiro lugar”.

Questionada se seus pais não percebiam os sintomas à época, ela revela. “Meus pais controlavam minha alimentação, mas quando você tem esse tipo de problema, você sabe fingir que está bem. Você aparece muito magra, mas se você está sorrindo passa. Além disso, na época, essa magreza toda, esse padrão era o que era considerado bonito”.

Os assédios nos 90

Vivi (Renata Del Bianco)
Reprodução/ SBT/ Instagram/ @renatabdb
Vivi (Renata Del Bianco)

Não é de hoje que figuras femininas, que foram muito famosas nos anos 90, relatam episódios de assédio nos bastidores e com Renata não foi diferente. Atleta e atriz, ela conta que foi vítima deste tipo de “agressão” nas duas funções. 

“Lembro de ter sofrido uma série de assédios morais dos treinadores na época da ginástica artística, às vezes falavam do nosso peso, às vezes falavam da desenvoltura. Minha mãe, que me acompanhava em tudo, até enxergava isso, mas reagia aos episódios como se reagia a um assédio na época: com um sorrisinho e silêncio”.

Você viu?

Já na TV, ela relembra que a coisa era mais velada, mas frequente. “Quando eles vendiam a fama para nós, eles esqueciam de falar do lado ruim, que são esses assédios. Eles falavam: ‘ó, ela vai para a TV, mas têm que emagrecer tanto, têm que se vestir de maneira insinuante, têm que usar maquiagem tal’. São vários tipos de assédio e foram várias vezes”.

O retorno aos holofotes 

Renata Del Bianco
Reprodução Instagram
Renata Del Bianco

Após a novela “Chiquititas”, Renata parou a carreira artística. “Naquela época, se você era criança, tinha novela infantil, mas depois disso não tinha mais o que fazer. Você tinha que esperar e tentar um papel em ‘Malhação’. Entre os 13 e os 18 você faz o que na vida? Eu resolvi seguir meu sonho”.

Formada em veterinária, ela atua na área mais sensível da profissão. “Hoje sou intensivista, eu atendo cachorrinho atropelado, animais convulsionando, pets com paradas cardíacas, eu estou na área de cirurgia mesmo”, comenta.  

Apaixonada pelo universo do entretenimento, a ex-Chiquitita trabalha para retornar aos holofotes, desta vez aliando seu amor pelos animais com o deslumbre da fama.

“Tem um projeto meu que começa a ser gravado mês (fevereiro) que vem, nós já temos um trailer, mas a ideia é um “E.R. Animal”, mostrar o que acontece depois que você entrega seu pet na mão dos veterinários, mostrar a realidade mesmo, as cirurgias, contar a história das pessoas e de seus animais e assim… sem roteiro, vai ter meu chefe me dando bronca e por aí vai. A gente vai gravar em alguns hospitais veterinários de São Paulo”, conta ela, que pretende vender o projeto para alguma plataforma de streaming.


Uma amiga no “BBB 21”

Renata Del Bianco e Carla Diaz
Reprodução Instagram
Renata Del Bianco e Carla Diaz

Assim como Renata, Carla Diaz também integrou a novela “Chiquititas” em 1997. Ao comentar a entrada da amiga na casa mais vigiada do Brasil, Del Bianco se anima.

“Eu amo! Estou um pouco brava porque ela pegou meu vestido [da época de Chiquititas] para gravar o vídeo do BBB, não me contou que ia para o reality e, pior, ainda não me devolveu”, narra ela, que completa. “Brincadeiras à parte, eu torço muito por ela, ela é uma fofa e tenho certeza que ela vai ganhar essa edição, ela tem tudo para isso”. 

Indagada se toparia participar do programa da Globo, ela pondera: “Têm minha família, meus animais, meu trabalho… mas negociando bem eu toparia sim”.

Por fim, Renata Del Bianco, que é mãe, influencer, veterinária e ainda pretende retomar a carreira artística, reflete sobre o que pretende e o que dispensa em sua vida profissional daqui para frente. “Não quero que me vejam apenas como alguém bonita, como era com a Vivi. Eu sei que sou bonita, me garanto, mas eu tenho muito mais a oferecer. Não quero ser padrão de beleza”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários