Nego do Borel e Duda Reis
Instagram/Reprodução
Nego do Borel e Duda Reis

Nesta sexta-feira (15), Nego do Borel negou as acusações de assédio feitas por Duda Reis, sua ex-noiva, em entrevista a Léo Dias. Durante o papo, o cantor assumiu que segurou o braço da influencer durante uma briga, "mas não foi forte desse jeito que ela falou". 

Em conversa com o jornalista, o funkeiro falou de sua reação ao saber das acusações de Duda. "Fui pego de surpresa, nem sei quem é a Duda hoje. Às vezes eu olho e penso: 'caramba, o que está havendo?'. Ela está me acusando de estupro, nunca fiz isso. Não sei de onde ela  tirou isso". 

Em relação as agressões que Duda Reis relatou em suas redes sociais, Nego é assertivo. "Nós ficamos juntos dois anos e oito meses. A gente tinha gostos diferentes, ela gostava de um tipo de música, eu gosto de outro. As minhas amizades são diferentes. Discussões tem em todo relacionamento. Briga acontece, muitas vezes a gente discutiu. Agora eu pegar, agredir e bater, isso nunca aconteceu. Nunca fiz isso com ela". 

Bastidores do relacionamento

Pai de Duda Reis volta a falar do namoro da filha com Nego do Borel
Reprodução/Instagram
Pai de Duda Reis volta a falar do namoro da filha com Nego do Borel

Ao falar sobre a intimidade do relacionamento, Nego assume que errou. "Eu já traí ela. Não foi só com uma pessoa, tiveram outras também, umas três".

Ao abordar a acusação de que teria passado HPV para Reis, o artista se defendeu. "Eu me cuido muito, sempre usei camisinha. Eu fiquei surpreso".

"Eu não sei, ela falou uma vez sobre isso... o pai dela inventa um monte de coisa. Eu não sei se eles inventaram. Acho que ela tinha que conversar comigo, mas não teve conversa... ela se resolveu com eles lá. Eu vou fazer exame porque para mim é novidade. Mas eu vou saber do meu", continuou. 

Mudando de assunto, o cantor começou a abordar a suposta culpa de Duda para o término do relacionamento. Segundo ele, a influencer teve prints e áudios vazados por amigas, nos quais dizia que outro homem era "gostoso". "Foi por isso que eu quis terminar também", disse ele.

Você viu?

Os prints de Duda Reis

Em continuidade, o cantor falou sobre o dia que viu mensagens suspotamente comprometedoras no celular da ex.

"Ela disse que ia subir e eu fiquei aqui jogando video game. Quando fui deitar, o celular dela estava tocando muito, aí avisei ela. Duda então disse: 'veja aí'. Quando comecei a ver as mensagens no WhatsApp, achei as mensagens estranhas. Depois fui no Instagram dela, fiquei decepcionado, vi outras coisas, outras mensagens e de gente conhecida. Aí peguei essas mensagens, tirei print e mandei para o meu telefone", lembrou ele. 

"Então eu liguei para minha mãe para ela vir aqui em casa. Quando ela chegou, sentou eu, ela e a Duda para conversar. Foi aí que eu disse que não levaria a Duda para Dubai, comecei mostrando as coisas do celular dela e ela disse: 'Eu estava brincando, eu tive um deslize, essa aí não sou eu'", seguiu. 

"Como eu já tinha feito coisas erradas [traições] e já tinha comprado a passagem, a pedido da minha mãe, resolvi levá-la junto. Mas até este momento eu avisei que nós iríamos como amigos a Dubai. No entanto, chegando lá, a gente não ficou amigo, a gente namorou, ficou de romance. E ela dizia: 'Você não vai me largar quando chegar no Brasil, né?' e eu dizia: 'Vamos curtir a viagem, quando chegar a gente conversa sobre isso'", narrou.

"Chegou aqui no Brasil, ela começou a ir para casa dos pais... Aproveitei que ela não estava aqui e saí para ver meus parceiros... as amizades que eu tenho hoje são tudo baladeiro e ela não gosta dos meus amigos. Os amigos que eu tenho ela não gosta e ela não deixava eu ver meus amigos e, por isso, a relação estava ficando desgastada", explicou. 

"Quando ela foi para Volta Redonda, ela começou a falar umas coisas que ela não falava antigamente. Dizia que eu era abusivo, depois mudava. Então, eu não estou entendendo nada do que ela está fazendo", ponderou ele. Assista a entrevista na íntegra.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários