Brunna Gonçalves
Reprodução/Instagram
Brunna Gonçalves fala sobre o sonho de ser mãe

Brunna Gonçalves falou sobre o racismo que Ludmilla vem sofrendo na internet.  A funkeira desativou as contas nas redes sociais após receber ataques racistas e a esposa da cantora falou que não é de hoje que a artista estava sendo alvo de preconceito.

"Vocês não têm noção de como eu fico vendo ela triste. Isso tem que acabar. Racismo é crime. Parem com isso. Estamos com você Ludmilla", escreveu Brunna Gonçalves no Twitter. "Não temos um dia de paz. Todo santo dia é atacada por nada. Vocês vão pagar por tudo isso. Racistas não passarão", a dançarina continuou.

Antes de tirar as páginas do ar, Ludmilla falou no Twitter que estava sendo alvo de racistas. Ela disse que recebia ofensas diariamente e falou que tinha tirado prints das mensagens e iria tomar as providências legais. Neste sábado (19), o termo "estamos com você Ludmilla" está entre os assuntos mais comentados do Twitter e diversas pessoas estão se manifestando em apoio à voz de "Rainha da Favela".



    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários