A relação do príncipe Harry com a família real parece estar estremecida desde antes do casamento com Meghan Markle. Tanto que o filho mais novo da princesa Diana teria ficado furioso com a assistente da rainha, Angela Kelly, por ela não ajudar a duquesa a viajar ao Palácio de Buckingham para experimentar uma tiara que ela usou em seu casamento, que aconteceu em maio de 2018. Harry teria ligado para avó e gritado com ela no telefone.

Príncipe Harry, Meghan Markle, rainha
Reprodução
Príncipe Harry teria brigado com a rainha por Meghan Markle


A confusão familiar foi revelada pelo biógrafo Omid Scobie, em entrevista ao canal britânico True Royalty TV. Vale ressaltar que Omid se prepara para lançar o livro “Finding Freedom” sobre o relacionamento de Meghan e Harry e a saída do casal da família real.

Omid contou que o duque de Sussex “gritou” com a rainha porque sentiu uma pessoa próxima da família real estavam fazendo de tudo para desestabilizar Meghan. O príncipe ficou irritado com Angela Kelly, assistente de sua avó, que não ajudou a sua atual esposa a experimentar o acessório para o grande dia.


“Harry teve que intervir. Ele ligou para a avó e disse: 'Não sei o que diabos está acontecendo. Esta mulher precisa fazer isso funcionar para minha futura esposa’. Harry sentiu que havia pessoas dentro da instituição que não parariam por nada para dificultar a vida de Meghan”, falou o biógrafo. Meghan só teria conseguido experimentar a tiara dias antes do casamento.

Durante a mesma entrevista, Omid falou que depois que o casal se afastou da família real e foi morar nos Estados Unidos, Harry e William “mal se falam”. “Os irmãos não falavam desde a época do encontro em Sandringham. Eles não tinham se visto. Isso realmente vai levar algum tempo para sarar. Acho que a distância entre os irmãos foi ficando cada vez maior.”

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários